Vídeos

Vídeo: Por que devemos prestar atenção nos insetos? por Ricardo Lourenço

Coloridos, diversos, inúmeros, os insetos compartilham e colaboram com o homem na vida na Terra. Está na hora de parar de temê-los

Daniele Bragança · Márcio Lázaro ·
22 de dezembro de 2019 · 1 anos atrás
Abelha, a rainha da polinização. Foto: Rebekka D/Pixabay.

Existem cerca de um milhão de espécies de insetos identificados no mundo. E mesmo compartilhando o espaço com o homem, a invisibilidade e ignorância acerca desses animais persistem. Mas por que devemos prestar atenção neles?

Foi a pergunta que fizemos para o veterinário e entomologista Ricardo Lourenço, chefe do Laboratório de Mosquitos Transmissores de Hematozoários do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz). Há anos, a Fiocruz mantém um borboletário como parte do seu programa de educação ambiental para chamar atenção justamente para eles: os insetos. 

As borboletas (ordem Lepidoptera) são chamativas, dóceis e mais raras em ambiente urbano. Para jovens que cresceram em uma metrópole longe de área verde, é a oportunidade de observá-las voando, se alimentando e pousando em desavisados. A diversidade de tamanhos e cores e de serviços ecossistêmicos que as borboletas exercem dá uma amostra do tamanho do universo dos insetos e por que não devemos menosprezá-los. 

Assista o último Pense Verde da temporada de 2019. 

 

Leia Também 

Vamos comer insetos?

Cadê os insetos que estavam aqui?

Insetos mais, insetos menos

 

  • Daniele Bragança

    Daniele Bragança

    É repórter especializada na cobertura de legislação e política ambiental. Formada em jornalismo pela Universidade do Estado d...

  • Márcio Lázaro

    Márcio Lázaro

    Jornalista, repórter cinematográfico, editor de vídeo e imagens, mestre em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento (UFRJ).

Leia também

Colunas
19 de maio de 2006

Insetos mais, insetos menos

Os insetos são vitais na Terra e, sinceramente, mais importantes do que nós. Mas a insistência do homem de encará-los como desprezíveis coloca tudo a perder.

Colunas
7 de dezembro de 2018

Cadê os insetos que estavam aqui?

Há uma diminuição na quantidade de insetos no mundo e o efeito desse desaparecimento pode ter implicações sobre toda a vida na Terra, da planta ao homem

Colunas
8 de julho de 2013

Vamos comer insetos?

FAO lança relatório onde afirma que insetos são fontes de proteína e podem ser uma solução para as futuras demandas de alimento. Será?

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta