Salada Verde

Parque Nacional do Iguaçu receberá meia-maratona em junho

A já tradicional Meia Maratona das Cataratas, suspensa no ano passado devido a pandemia, já tem data e inscrições abertas para a edição de 2021

Duda Menegassi ·
18 de janeiro de 2021
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
A rota da corrida passa em frente às Cataratas em circuito realizado integralmente dentro do Parque Nacional do Iguaçu. Foto: Marcos Labanca

Cancelada em 2020 devido à pandemia, a já tradicional Meia Maratona das Cataratas, realizada dentro do Parque Nacional do Iguaçu, está de volta ao calendário dos corredores. A corrida será realizada dia 6 de junho de 2021, na Semana do Meio Ambiente, e as inscrições já estão abertas aos interessados em participar. Além da categoria de 21km, há também a opção de 8km. De acordo com a organização da prova, o evento seguirá todos os procedimentos de segurança para preservar a saúde dos corredores.

A corrida é promovida pela Cataratas do Iguaçu S.A, concessionária do parque, junto ao ICMBio, órgão gestor do Iguaçu, e ocorre integralmente dentro da unidade de conservação, com trechos que passam diante das icônicas Cataratas.

Os participantes que haviam se inscrito em 2020 para a 13ª edição da Meia Maratona das Cataratas, antes do evento ser adiado, terão sua vaga garantida se quiserem permanecer inscritos. As inscrições podem ser feitas através do site oficial da prova. Ambas as corridas (21 e 8km) possuem um número máximo de participantes e as inscrições serão encerradas assim que este limite for atingido.

 

Leia também

Uma corrida pela conservação da natureza

  • Duda Menegassi

    Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação e montanhismo. Escreve para ((o))eco desde 2012. Autora do livr...

Leia também

Reportagens
16 de maio de 2021

Proposta muda desenho de UCs no rio Negro, com nova reserva e redelimitação

O projeto de lei enviado à Assembleia Legislativa cria uma Reserva do Desenvolvimento Sustentável no Baixo Rio Negro, no Amazonas, e redelimita parque estadual e APA

Reportagens
16 de maio de 2021

Projetos de estradas na Amazônia podem desmatar 2,4 milhões de hectares nos próximos 20 anos

12 mil km de estradas previstas em 75 projetos para os cinco países da Bacia Amazônica podem causar o desmatamento de 2,4 milhões de hectares. 17% dessas obras violam a legislação ambiental e o direito de povos indígenas

Reportagens
16 de maio de 2021

Maior banco suíço volta ao Brasil e coloca em risco compromisso ambiental

O maior banco suíço, o UBS, quer fazer negócios com empresas de carne, soja e agrotóxicos no Brasil, mas sem abrir mão da responsabilidade ambiental. A realidade, no entanto, mostra que não é tão fácil separar o agronegócio sustentável daquele associado ao desmatamento

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta