Salada Verde

Bonito (MS) foi o município que mais desmatou a Mata Atlântica entre 2019 e 2020

Conhecido pelo ecoturismo, município lidera ranking de municípios campeões em perda de cobertura florestal no último Atlas de Remanescentes da Mata Atlântica

Daniele Bragança ·
5 de julho de 2021
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Esqueça por um minuto as águas cristalinas e azuis que fazem milhares de turistas se deslocar para o Mato Grosso do Sul todos os anos. Tido como exemplo de sucesso no ecoturismo, o município de Bonito (MS) lidera o ranking de campeão de desmatamento no Atlas dos Remanescentes Florestais da Mata Atlântica, publicados pela Fundação SOS Mata Atlântica e pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Entre 2019 e 2020, foram desmatados 416 hectares em Bonito. 

Dez municípios concentram 21% do desmatamento ocorrido no período. Ao todo, foram desmatados 13.053 hectares em todo bioma. Restam menos de 13% do bioma original no país. 

Águas Vermelhas (MG) e Wanderley (BA), ocupam o segundo e terceiro lugar do ranking de campeões de desmatamento, com 369 hectares e 350 hectares desmatados respectivamente. Completam a lista Montalvânia (MG), com 286 hectares; Pedra-Azul (MG), com 286; Cotegipe (BA), com 273; Ponto dos Volantes (MG), com 220; Miranda (MS), com 219; Encruzilhada (BA), com 175; e Francisco Sá (MG), com 166.

  • Daniele Bragança

    É repórter especializada na cobertura de legislação e política ambiental. Formada em jornalismo pela Universidade do Estado d...

Leia também

Notícias
26 de maio de 2021

Desmatamento na Mata Atlântica aumentou 400% em SP e no ES

Houve aumento de derrubada de floresta em dez dos dezessete estados que compreendem o bioma. Minas Gerais segue sendo o estado que mais derruba Mata Atlântica

Análises
18 de março de 2016

Para quem ama o feio, o Bonito desaparece

Os recursos naturais da cidade mantêm tanto a agropecuária quanto a pujante indústria de turismo. Só falta isso virar um consenso.

Reportagens
13 de março de 2016

Bonito: a batalha para proteger os banhados do Prata e Formoso

Mandado de segurança do Sindicato Rural cancela consulta pública e abre conflito sobre duas novas UCs que resguardariam rios considerados joias naturais da cidade

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. Paulo diz:

    Importante, dizer os nomes dos proprietários.