Notícias

Pantanal: Onça resgatada na terça se recupera em centro do Imasul

Animal sofreu queimaduras nas patas e foi resgatada pelos veterinários do Instituto de Meio Ambiente do MS. Outro felino que estava junto também foi resgatado, mas não resistiu

Daniele Bragança ·
4 de novembro de 2020
O sobrevivente. Foto: Centro de Recuperação de Animais Silvestres (CRAS/Imasul)/Divulgação.

Duas onças-pintadas foram resgatadas na terça-feira (03) por veterinários do Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul (Imasul), na região da Serra do Amolar, próximo ao rio Paraguai. Os animais que apresentavam queimaduras nas patas queimadas e dificuldades de caminhar  foram sedados e transportados para Campo Grande em uma aeronave da Força Aérea Brasileira. Após o resgate, um dos felinos não resistiu e morreu.

A autópsia ainda não foi realizada, mas em nota divulgada pelo site do Imasul, autarquia responsável pela gestão ambiental no Mato Grosso do Sul, o veterinário Lucas Cazati, responsável técnico do Centro de Recuperação de Animais Silvestres (CRAS), suspeita que a quantidade de fumaça que a onça inalou, tentando fugir das chamas, foi responsável pela morte do felino.

A outra onça resgatada um macho com cerca de dois anos de idade , já está acordada e se alimentou, mas ainda não dá para saber se sobreviverá ao incidente que obrigou a retirada dela na natureza.

Caso dê tudo certo, na sexta-feira ela será submetida a novo procedimento para tratar os ferimentos nas patas.

 

Leia Também 

Sem medidas de prevenção, Pantanal será vítima de novos desastres

Audiorreportagem: os incêndios no Pantanal e o trabalho de quem está na linha de frente do combate

A agonia insuportável da onça-pantaneira é a nossa

 

 

  • Daniele Bragança

    É repórter especializada na cobertura de legislação e política ambiental. Formada em jornalismo pela Universidade do Estado d...

Leia também

Análises
28 de setembro de 2020

A agonia insuportável da onça-pantaneira é a nossa

Observar onças-pintadas morrerem lentamente no meio de queimadas provocadas intencionalmente e em grande escala, mostra que nossa condição de civilidade está num patamar muito abaixo do mínimo aceitável

Reportagens
7 de outubro de 2020

Audiorreportagem: os incêndios no Pantanal e o trabalho de quem está na linha de frente do combate

Em sua 1ª audiorreportagem, ((o))eco vai ao Pantanal acompanhar o trabalho de moradores, organizações e voluntários no combate às chamas e resgate da fauna afetada pelo fogo que consome o bioma

Reportagens
18 de outubro de 2020

Sem medidas de prevenção, Pantanal será vítima de novos desastres

Projeções climáticas preveem que secas cada vez mais fortes e prolongadas irão ocorrer no Pantanal, a exemplo do que acontece em 2020, e para evitar que a tragédia ambiental se repita é necessário começar a agir na prevenção

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta