Notícias

Nova espécie de planta da Mata Atlântica é encontrada no Espírito Santo

A planta, uma espécie de trepadeira, foi descoberta na Reserva Biológica Duas Bocas, área que protege raros remanescentes primários de Mata Atlântica

Duda Menegassi ·
19 de julho de 2021

Mesmo reduzida a uma ínfima fração de sua cobertura original, a Mata Atlântica não cansa de surpreender pesquisadores com a riqueza de sua biodiversidade. O palco da mais recente prova de exuberância do bioma foi a Reserva Biológica Duas Bocas, no Espírito Santo, onde o pesquisador Julio Lombardi cruzou com uma árvore caída coberta por uma espécie de trepadeira desconhecida que lhe chamou atenção. A planta não era apenas uma novidade aos olhos do pesquisador, mas um novo registro para a ciência – e para a Mata Atlântica.

Batizada de Peritassa formidolosa, a trepadeira possui pequenas flores brancas, com frutos que ainda precisam ser estudados, “mas que devem ser pequenos e carnosos”, aposta Julio Lombardi, do Departamento de Biodiversidade da Universidade Estadual Paulista (Unesp) e autor do artigo que descreve a espécie, publicado em março na revista científica Phytotaxa.

“Por se tratar de uma espécie que não era descrita, nem conhecida anteriormente, essa descoberta acresce à diversidade brasileira e à da Mata Atlântica”, explica Julio, que alerta para a extrema importância de preservar o pouco que restou da Mata Atlântica.

Exemplar da Peritassa formidolosa. Fonte: A new species of Peritassa (Celastraceae) from Espírito Santo, Brazil/Reprodução

A Reserva Biológica Duas Bocas, onde a descoberta foi feita, possui 3 mil hectares e fica a menos de 30 quilômetros de Vitória, a capital do estado, entre os municípios de Cariacica, Viana e Santa Leopoldina. Criada em 1965, como reserva florestal e convertida em reserva biológica em 1991, a área protege um importante fragmento florestal de Mata Atlântica considerada primária.

  • Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação e montanhismo. Escreve para ((o))eco desde 2012. Autora do livr...

Leia também

Notícias
8 de julho de 2021

Pesquisadores identificam nova espécie de planta no Rio Grande do Sul

A recém-descoberta Rhamnidium riograndense viajou na mala de um engenheiro florestal por 5 anos e levou outros 5 antes que fosse identificada e descrita pela primeira vez à ciência

Reportagens
9 de maio de 2021

Pesquisadores se unem para salvar uma das aves mais ameaçadas do mundo

Criticamente ameaçada de extinção e com apenas 11 indivíduos conhecidos, a saíra-apunhalada preocupa especialistas, que buscam soluções para sobrevivência da espécie

Reportagens
18 de abril de 2021

A história por trás da planta que desapareceu por mais de 130 anos em Noronha

A última coleta da Chiococca insularis datava de 1887 e a espécie, que ocorre apenas em Fernando de Noronha, já era considerada extinta, quando pesquisadores a reencontraram ao acaso

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta