Salada Verde

Servidores contestam nova diretoria do ICMBio

Em carta, grupo ressalta é a necessidade de que os seus dirigentes tenham formação, capacidade técnica e experiência profissional para cumprirem plenamente a missão do instituto

Sabrina Rodrigues ·
25 de abril de 2019 · 2 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Em carta, Ascema Nacional afirma que os dirigentes do ICMBio devem possuir formação, capacidade técnica e experiência profissional. Foto: Pixabay.

A Associação Nacional dos Servidores da Carreira de Especialista em Meio Ambiente (Ascema/Nacional), que representa os servidores federais da carreira em meio ambiente, divulgou, nesta quinta-feira (25), uma carta aberta, em que contesta a nomeação de cinco oficiais da Polícia Militar do Estado de São Paulo para a presidência e todas as diretorias do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

“Com as nomeações propostas, Ricardo Salles segue com o desmonte da gestão ambiental do país e com o desrespeito aos servidores dos órgãos ambientais e à sociedade brasileira, conforme já havia sido destacado na carta dos servidores publicada na última semana”, afirmam os servidores no texto.  

No documento, o grupo reconhece a importância do apoio que as polícias militares estaduais prestam nas ações de fiscalização, mas ressalta que o trabalho do ICMBio não se restringe a isso. “Para que a missão do ICMBio seja integralmente cumprida, é necessário que seus dirigentes tenham formação, capacidade técnica e experiência profissional na diversidade de temas e de realidades regionais que permeiam suas atribuições”, completam os servidores.  

 

Leia a carta na íntegra:

Carta ICMBio

 

Leia Também

Após ministro ameaçar servidores, presidente do ICMBio pede demissão

Representantes no Conama assinam manifesto contra Ricardo Salles

Em carta, servidores da área ambiental saem em defesa do ICMBio e repudiam Salles

 

 

  • Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Salada Verde
17 de abril de 2019

Em carta, servidores da área ambiental saem em defesa do ICMBio e repudiam Salles

Segundo a associação dos servidores, ministro tem reiteradamente atacado e difamado os servidores e o trabalho do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade

Notícias
26 de março de 2019

Representantes no Conama assinam manifesto contra Ricardo Salles

Moção é uma resposta à atitude do ministro durante a 59ª Reunião Plenária da entidade, ocorrida na quarta-feira (20). Reunião foi marcada por separação de salas e até agressão

Reportagens
15 de abril de 2019

Após ministro ameaçar servidores, presidente do ICMBio pede demissão

Alegando motivação pessoal, Adalberto Eberhard pediu demissão dois dias após participar de evento no Parque Nacional Lagoa do Peixe com Ricardo Salles

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 6

  1. joaquim diz:

    Não tenho conhecimento de quem eram os Gestores anteriores. Mas , não pode-se ter Gestores sem conhecimento na causa, é o mesmo que tocar uma boiada , sem saber o destino. Não pode de forma alguma querer " economizar ", quando tratar-se de Gestão Ambiental, senão clamaremos pela sombra , sem ter a árvore. Na Gestão Ambiental, não se pode indicar alguém apenas por ser amiguinho, tem que ter enorme capacidade técnica, tal como, conhecer a biodiversidade da Reserva Ecológica do Taim, onde se localiza, quantos quilômetros tem, o que é necessário para preservá-la.


  2. Em pro de todos diz:

    Colocar militar em tudo e o meio ambiente que se dane, o Brasil está perdido!!!


  3. Tâmara Velez diz:

    Tomará que os novos diretores exonerem muitos servidores lá de dentro que só sabem tomar café e ficar no seu computador no ar-condicionado. Depois ficam batendo no peito que são "ambientalistas". Vamos oxigenar os setores e valorizar aqueles que não ficam carregando uma bandeirinha vermelha fedida e suja no ombro criticando tudo em vez de zelar a população. LIMPEZA total!!!


  4. Jacqueline diz:

    Tem que ter experiência, em enrolar as pessoas ,tenho um processo de 16 anos de regularização fundiária no ICMBio, uma enrolada e falta de respeito sem fim,parabéns ministro tinha que limpar mesmo esse antro de esquerdista


  5. Paulo diz:

    Se olharem o histórico verão que todos são da área ambiental, com experiência. ICMBio precisa de pessoas técnicas nas áreas, com conhecimento pra tocar todas agendas, tanto de biodiversidade, planos de manejo, fiscalização, socioambiental. Triste ver o desmonte deste desgoverno. Esse ministro deveria estar preso.


    1. José Antonio diz:

      Quem mandava também era PULIÇA. Qual experiência ela tinha na área ambiental?