Notícias

Desmatamento na Amazônia cai 10% em abril, segundo o Imazon

É a terceira redução consecutiva da taxa, embora no acumulado do ano a tendência continua 20% acima. Pará liderou o ranking de estado que mais desmatou

Daniele Bragança ·
27 de maio de 2019 · 2 anos atrás
Foto: Ibama.

A Área de Proteção Ambiental do Xingu e a Floresta Nacional do Jamanxim, ambas localizadas no Pará, foram as unidades de conservação mais desmatadas em abril. Juntas perderam 12,33 quilômetros quadrados em 30 dias. O quarto mês de 2019 apresentou uma leve redução, de 10%, no desmatamento na Amazônia Legal, em comparação ao mesmo período de 2018, quando foram desmatados 217 km².

Embora no acumulado do ano a tendência continua apontando para cima, a curva tem diminuído a cada mês. É o que mostra os dados do Boletim do Desmatamento (SAD), do Imazon, organização da sociedade civil que realiza o monitoramento independente do desmatamento e degradação do maior bioma do país.

Mato Grosso repetiu março e manteve a liderança no ranking de estado que mais desmatou, sendo responsável por 31% do desmate ocorrido no período, seguido de Amazonas (30%), Pará (16%), Rondônia (12%), Roraima (9%) e Acre (2%).

Alvo de invasão de garimpeiros, a Terra Indígena Yanomami (RR/AM) perdeu 45 hectares em abril. A Funai anunciou a reabertura de duas bases para conter o conflito na região. Extração ilegal se alastra no território dos povos Yanomami e Ye’kwana. Até dezembro, o Exército mantinha bases na TI, o que inibiu e conseguiu expulsar garimpeiros. O abandono da base fez o território voltar a ser alvo.

 

Saiba Mais

SAD – Abril 2019

 

Leia Também

Desmatamento cai em março, mas acumulado do ano ainda é de alta

Bolsonaro desautoriza operação do Ibama em UC desmatada

Desmatamento na Amazônia diminuiu em fevereiro, diz Imazon

 

  • Daniele Bragança

    É repórter especializada na cobertura de legislação e política ambiental. Formada em jornalismo pela Universidade do Estado d...

Leia também

Notícias
27 de março de 2019

Desmatamento na Amazônia diminuiu em fevereiro, diz Imazon

Foram detectados 93 quilômetros quadrados de corte raso na Amazônia Legal, uma redução de 57% em relação ao mesmo período no ano passado

Notícias
14 de abril de 2019

Bolsonaro desautoriza operação do Ibama em UC desmatada

Presidente critica queimas de caminhões e tratores usados para desmatar ilegalmente a área protegida. Procedimento é regulamentado por decreto

Notícias
26 de abril de 2019

Desmatamento cai em março, mas acumulado do ano ainda é de alta

Dados do Boletim do Desmatamento do Imazon apresenta queda de 77% do desmatamento em março. No acumulado do ano, tendência contínua para cima

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. Paulo diz:

    Estas pragas de garimpeiros.