Notícias

Curió: um pássaro bem afinado

Famoso pelo canto poderoso, o homenageado por ((o))eco esta semana é o curió (Sporophila angolensis), um pássaro exclusivo das Américas. Foto: Dario Sanches

Duda Menegassi ·
7 de dezembro de 2012 · 9 anos atrás
Esta semana o homenageado do ((o))eco é o curió (Sporophila angolensis), um pássaro exclusivo das Américas, apesar do que indica erroneamente o nome científico. Encontra-se em todo o território nacional e em quase todos os outros países da América do Sul, com exceção do Uruguai e do Chile. Sua ampla distribuição não reflete sua condição atual. O curió está ameaçado de extinção em alguns estados, como Minas Gerais. Isso porque essa pequena ave, de cerca de 15 cm, tem um maravilhoso canto. Suas habilidades musicais fizeram dele o pássaro com mais criadores registrados junto ao IBAMA. Infelizmente, nem todos se dignam a atuar dentro da legalidade e o curió é também a ave mais apreendida no tráfico de animais silvestres.

Sua alimentação é composta por insetos e sementes. É uma espécie que gosta de viver sozinha ou aos pares: na época de acasalamento, que vai do final do inverno até o fim do verão, é natural encontrar o curió acompanhado. Põe 2 ovos que demoram aproximadamente 13 dias para eclodir. Quando nascem, os filhotes ficam cerca de um mês no ninho, sob cuidado dos pais, até estarem prontos para ganhar o mundo com suas asas e sua voz. Foto: Dario Sanches

 

 

  • Duda Menegassi

    Jornalista ambiental especializada em unidades de conservação e montanhismo. Escreve para ((o))eco desde 2012. Autora do livr...

Leia também

Reportagens
26 de julho de 2021

Brasil decola em apreensões de animais traficados na aviação civil

Relatório inédito descortina estratégias criminosas para transportar animais da América Latina e do Caribe por meio da aviação comercial; México, Brasil e Colômbia são os líderes em apreensões

Salada Verde
23 de julho de 2021

Registro raro mostra uma mamãe onça com seu filhote na Serra do Mar

A cena foi flagrada por um armadilha fotográfica instalada pela equipe do Programa Grandes Mamíferos da Serra do Mar, que monitora a presença de animais como a onça-pintada e a anta na região

Análises
23 de julho de 2021

Termo ‘savanização’ precisa ser revisto nos discursos sobre degradação florestal

Associar a savana à ideia equivocada de que esta seria uma vegetação degradada e pobre favorece o discurso de que não há nada a ser conservado

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta