Enxurrada no RS afeta mais de 20 mil pessoas

Salada Verde
sexta-feira, 18 março 2011 1:12
Enxurrada atinge São Lourenço do Sul. Crédito: Defesa Civil/RS
Enxurrada atinge São Lourenço do Sul. Crédito: Defesa Civil/RS

Na semana passada, entre o final do dia de quarta e início de quinta-feira (9 e 10 de março), cinco municípios da porção sul do Rio Grande do Sul foram afetados pelas fortes chuvas que atingiram a região. Entre eles estão São Lourenço do Sul, Turuçu, Rio Grande, Arroio do Padre e São Francisco de Paula.

Em São Lourenço do Sul, cidade mais atingida, foi decretado Estado de Calamidade Pública, isso porque a quantidade de precipitação fez o nível do Rio São Lourenço subir três metros em alguns locais, provocando a enxurrada. O município calcula que 20 mil pessoas foram afetadas, das quais duas mil estão desalojadas, 450 desabrigadas, 200 levemente feridas e uma desaparecida. Além disso, foram confirmados sete óbitos e mais de três mil residências danificadas.

Logo depois do desastre, a equipe da Defesa Civil montou um ponto de arrecadação de doações na sede do Esporte Clube São Lourenço (Rua Pinheiro Machado, n° 643), que ficou conhecido como S.O.S São Lourenço. Desde então, diariamente cerca de 50 voluntários de todo o Estado trabalham na seleção e repasse dos donativos aos mais atingidos.

Ao todo, a Defesa Civil Estadual já enviou 5,3 mil litros de água, 875 colchões, 300 brinquedos, 200 kits dormitório, 900 cobertores, uma tonelada de roupas de cama, uma tonelada de material de higiene e limpeza e mais de mil cestas básicas. Isso sem contar a quantidade de doações individuais que chegam a cada minuto. Quem preferir mandar ajuda em dinheiro pode fazer o depósito na conta da Prefeitura Municipal – Doações Enchentes, do banco Banrisul (agência 0870; conta corrente 04.029179.0-7).

Destruição em São Lourenço. Crédito: Defesa Civil/RS
Destruição em São Lourenço. Crédito: Defesa Civil/RS

 

Climatologia – Entenda o que causou a enxurrada
Francisco Eliseu Aquino explica as condições que resultaram na enxurrada
O climatologista e professor do Departamento de Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Francisco Eliseu Aquino, explica as condições meteorológicas e geomorfológicas que resultaram na enxurrada no sul do RS.
Imagem realçada do dia 9 de março, às 19h45min, mostra nuvens na porção sul do RS.
Imagem realçada do dia 9 de março, às 19h45min, mostra nuvens na porção sul do RS.

(Flávia Moraes)
Leia também
Tragédia do Nordeste vista em detalhes

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.