Caso furado

quarta-feira, 4 agosto 2004 15:20

A Nestlé queria registrar como marca o formato dos seus Polos, um chocolate com recheio de menta popular na Inglaterra e em outros países da Europa. Mas seu pedido não especificava proporções, nem cor e tampouco tinha o nome Polo no chocolate. Em outras palavras, a Nestlé queria a propriedade sobre a forma genérica de chocolates com mentas – redondos, com um buraco no meio – em certos mercados. Óbvio, observa o Guardian (gratuito, pede cadastro), seu pedido foi rejeitado. Duas vezes. Na última, o juiz comparou o caso da Nestlé ao de seu produto. Disse que ambos tinham um buraco no meio. O texto é curto. Dura dois minutos a leitura.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.