Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Publicada lista vermelha de espécies da flora da Bahia

Daniele Bragança*
terça-feira, 22 agosto 2017 17:42
Maçaranduba está na lista vermelha do estado. Foto: Divulgação.
Maçaranduba está na lista vermelha do estado. Foto: Divulgação.

Foi publicada nesta terça-feira (22) a lista vermelha de espécies da flora ameaçadas de extinção na Bahia. A portaria nº 38, publicada pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) no Diário Oficial do Estado, lista 744 espécies classificadas nas categorias Criticamente em Perigo (CR), Em Perigo (EN) ou Vulnerável (VU), que ficam protegidas de modo integral a partir de agora.

Espécies como Maçaranduba, Oiti-cumbuca, bambuzinho e olho-de-boi aparecem na lista e agora ficam proibidas sua coleta, corte, transporte, armazenamento, manejo, beneficiamento e comercialização no território baiano.

A avaliação das espécies pela Superintendência de Estudos e Pesquisas Ambientais (SEP/SEMA) teve a coordenação da Professora Sofia Campiolo (UESC) e sua componente botânica do Professor Jomar Jardim (UFSB). Acima, o olho de boi. Foto: Divulgação.
A avaliação das espécies pela Superintendência de Estudos e Pesquisas Ambientais (SEP/SEMA) teve a coordenação da Professora Sofia Campiolo (UESC) e sua componente botânica do Professor Jomar Jardim (UFSB). Acima, o olho de boi. Foto: Divulgação.

“A Bahia agora completa sua lista vermelha, instrumento essencial para o planejamento das ações de proteção à flora e à fauna no estado. O próximo passo é avançar com os planos de manejo dessas espécies”, explica o secretário do Meio Ambiente, Geraldo Reis.

A Portaria nº 38 exige que os estoques ou planteis cultivados das espécies enquadradas na lista vermelha sejam declarados em até 180 dias após a data da publicação, em qualquer unidade do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema). Para as finalidades de pesquisa científica ou de conservação das espécies, ficam permitidas a coleta, o transporte, o beneficiamento, o armazenamento e o manejo, desde que autorizados pelo Inema.

A lista vermelha resulta da avaliação de 1.255 espécies da flora consideradas raras, endêmicas ou sob ameaça de extinção no território estadual. Participaram do processo cerca de 100 especialistas de aproximadamente 30 instituições. O estudo encontrou 744 espécies em ameaça de extinção, sendo 122 na categoria Criticamente em Perigo (CR), 356 Em Perigo (EN) e 266 em situação Vulnerável (VU).

 

 

 

*Com informações da Ascom da SEMA-BA.

 

4 comentários em “Publicada lista vermelha de espécies da flora da Bahia”

  1. Professor, as "nossas" árvores e indígenas autóctones da Amazónia estão a chorar muito…estão a "gritar" por ajuda.. Eu tenho noção que é cobiçado por muitos mas, não é por esse tipo de Valor que precisa muito continuar VIRGEM e PURO. É SÓ um dos muitos SANTUÁRIOS deste planeta a proteger, a cuidar com toda a delicadeza…Viu o que o decreto que o vosso Temer aprovou ontem…Não conheço bem o V. Regime Jurídico, por ser resultado de um Estado Federal ou Federalista (um Estado Mãe, com muitos Estados filhos) mas, o importante creio que será: Não EXISTE JÁ um TRIBUNAL, que consiga combater e repôr a justiça, ao nível do que os ditos governantes do Estado Mãe vão "decretando"? Uma Instituição ISENTA e JUSTA, à qual possam RECORRER para, NO URGENTE (NO PARA ONTEM), decretar AQUILO QUE NÓS CHAMAMOS CÁ "UMA PROVIDÊNCIA CAUTELAR"= congelar no JÀ, no AGORA, qqs efeitos imediatos devastadores que já possam estar a decorrer com a aprovação do Decreto de ontem e, a seu tempo: CONSAGRÁ-LA DEFINITIVAMENTE COMO ÁREA PROTEGIDA.Ela JÀ É! Mas tem de existir penas muito pesadas para quem, insistir em não querer respeitar… Daqui, apenas um SER muito preocupado com o futuro da nossa Humanidade, from Portugal

    Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.