Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Polícia localiza fazenda onde onças-pintadas teriam sido mortas

Sabrina Rodrigues
quarta-feira, 13 novembro 2019 19:33
Caminhonete onde estavam as três onças-pintadas mortas foram localizadas em uma fazenda em Cocalinho, Mato Grosso. Foto: Polícia Civil.

A Polícia Civil identificou nesta quarta-feira (13) o local em que foi realizada a matança de três onças-pintadas, cujas imagens viralizaram na internet. Trata-se de uma propriedade rural localizada no interior do município de Cocalinho, que fica a 150 quilômetros da parte central da cidade. 

O vídeo de aproximadamente um minuto mostra três onças-pintadas mortas a tiros em uma caminhonete. Uma mulher não identificada parabeniza o autor do crime, chamado “Rapicho” no vídeo, por matar as três onças. Ainda não se sabe se as três onças, que parece se tratar de uma mãe e dois jovens, estavam vagando pela propriedade e por isso foram mortas.

A polícia civil encontrou a caminhonete que aparece no vídeo na fazenda. 

Os agentes foram recebidos por um caseiro que afirmou que mora na fazenda há apenas quatro dias. Segundo o delegado Valmon Pereira da Silva, que é responsável pelo caso, o crime ambiental ocorreu há aproximadamente cinco ou seis dias, antes de o novo caseiro ser chamado para trabalhar na propriedade.

“Os três suspeitos envolvidos na morte e na divulgação das imagens dos animais fugiram, porém, o dono da fazenda já foi identificado e será ouvido”, disse o delegado.

A polícia não deu detalhes da investigação, mas informa que continua com as diligências. Os suspeitos responderão por crime ambiental contra a fauna, previsto no artigo 29 da lei 9605/98. Após confecção de relatório, a documentação será encaminhada para os órgãos ambientais.

 

 

Leia Também

Viraliza vídeo que mostra 3 onças-pintadas mortas; Polícia investiga caso

Homem morre ao ser mordido por cobra coral

Homem grava vídeo maltratando sucuri

 

4 comentários em “Polícia localiza fazenda onde onças-pintadas teriam sido mortas”

  1. e os donos da propriedade??? Não foram interrogados?? Eles não tem o contato e informações sobre o antigo caseiro? Se outro foi chamado foi pq ja sabiam que ia dar merda!

    Responder
  2. É muito triste a ignorância, indiferença, crueldade e cultura equivocada sobre os animais silvestres. Brasileiro não tem consciência ecológica nenhuma. Para esses idiotas a caça é sinônimo de virilidade. Pena que a lei de crimes ambientais é tão branda contra quem comete crimes contra o meio ambiente.Esses facínoras. Quando as mudanças climáticas ficarem mais severas essas pessoas vão lotar igrejas rezando. Como se fosse adiantar algo.

    Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.