Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Áreas marinhas e costeiras ganham reforço financeiro

Sabrina Rodrigues*
quinta-feira, 6 dezembro 2018 17:35
Ministro do Meio Ambiente Edson Duarte, durante o lançamento do Fundo Marinho, o Fundo Azul. Foto: Paulo Araújo/MMA.

A conservação das áreas marinhas e costeiras ganhou um reforço na terça-feira (04) com o lançamento do Fundo Marinho. Com o aporte inicial de US$ 9 milhões de dólares, o Ministério do Meio Ambiente (MMA) pretende garantir a continuidade do Projeto Áreas Marinhas e Costeiras Protegidas (GEF MAR) e assim conservar a biodiversidade desses ambientes, ampliar o número de unidades de conservação, além de aplicar recursos para a sua implementação a longo prazo.

“A iniciativa é diferenciada porque apoia a criação de novas unidades de conservação e a sua implementação, além de inserir as comunidades do seu entorno”, afirma o secretário de Biodiversidade do MMA, Fernando Lyrio.

O projeto será coordenado pelo Departamento de Áreas Protegidas do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e a execução ficará a cargo do Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio).

A GEF MAR ainda contará com outros R$ 60 milhões oriundos de um Termo de Compromisso firmado entre o Ibama e a Petrobras para disciplinar as ações e medidas necessárias para adequação das plataformas marítimas de produção da empresa, em relação ao descarte de água de produção.

*Com informações da Assessoria de Comunicação do Ministério do Meio Ambiente.

 

Leia Também

O desafio de melhorar a gestão dos sistemas costeiros e marinhos

Projeto GEF Mar oferece bolsas de auxílio e fomento à pesquisa

Governo lança iniciativa para proteção de áreas marinhas

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.