Download PDF
O governo mexicano anunciou que o arquipélago de Revillagigedo foi elevado ao status de Parque Nacional Marinho, onde serão protegidos o equivalente a 14,8 milhões de hectares. Foto: Governo do México/Flickr.

O governo mexicano anunciou que o arquipélago de Revillagigedo foi elevado ao status de Parque Nacional Marinho, onde serão protegidos o equivalente a 14,8 milhões de hectares. Foto: Governo do México/Flickr.

O governo mexicano anunciou que o arquipélago de Revillagigedo foi elevado ao status de Parque Nacional Marinho, onde serão protegidos o equivalente a 14,8 milhões de hectares, o equivalente ao dobro do território da Irlanda. A declaração ocorreu na última sexta-feira, na Conferência Internacional de Oceanos, Our Ocean, em Malta. Como Parque Marinho, Revillagigedo ficará fechada para atividades pesqueira e hoteleira, e será o maior parque marinho da América do Norte.

Revillagigedo é um arquipélago descoberto entre 1533 e 1615 e está localizado no Oceano Pacífico, a cerca de 800 km a oeste de Manzanillo e quase 400 km ao sul de Cabo San Lucas.

Em 1994, o Arquipélago Revillagigedo foi declarado Área Natural Protegida na categoria de Reserva da Biosfera. Em 17 de julho de 2016, a Unesco atribuiu o título de Patrimônio Natural ao Arquipélago. O Arquipélago é composto de quatro ilhas com penhascos, litorais e vulcões: Ilha Socorro, Ilha San Benedicto, Ilha Roca Partida, Ilha Clarión.

A área abriga uma rica diversidade da fauna e da flora que gera um conjunto único de processos biológicos e ecológicos. Na unidade protegida, encontram-se diversas espécies de peixes, crustáceos, aves, além de algumas espécies ameaçadas como o gavião de cauda vermelha.

O anúncio foi comemorado por ambientalistas e até personalidades como o Príncipe Alberto II, de Mônaco, descreveu a novidade como uma "ótima notícia" o fato de que Revillagigedo protegerá não apenas uma área marinha muito extensa, mas em perfeita consistência com outras ilhas áreas protegidas do Pacífico, como as de Coco, Malpeló e Galápagos.

Leia Também

México estuda criar uma das maiores áreas marinhas protegidas do mundo

México cria 4 novas Reservas Biológicas protegidas

E aí, Brasil, vamos encarar os oceanos de frente?