Download PDF
O Parque Nacional de Yaguas é o lar de 3 mil espécies de plantas. Foto: Álvaro del Campo/Mongabay.

O Parque Nacional de Yaguas é o lar de 3 mil espécies de plantas. Foto: Álvaro del Campo/Mongabay.

O Peru protegerá 868.927 hectares de floresta através da criação do Parque Nacional Yaguas. Os documentos que oficializam a decisão já foram assinados pela ministra do Meio Ambiente, Elsa Galarza Contreras, e do Presidente do país, Pedro Pablo Kuczynski  Godard.

Localizado em Loreto, no norte do Peru, a área protegida tem o triplo do tamanho do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (GO), que possui 240 mil hectares. A nova área protegida é o lar de 3 mil espécies de plantas, 500 espécies de aves e 160 espécies de mamíferos. É possível encontrar na área peixes-boi, botos, lontras gigantes e macacos.

O governo peruano espera transformar a unidade em trunfo para a venda futura de carbono no mercado internacional, já que a área é densamente preservada e possui centenas de árvores.

A decisão representa uma vitória para as comunidades que vivem no entorno de Yaguas e que há 30 anos lutam pela criação da área protegida, já que o local é considerado sagrado por eles. A ministra Elza Galarza enfatizou que o uso dos recursos pelas famílias indígenas serão respeitados e não serão afetados pela criação do parque nacional.

Imagem: Mongabay.

Imagem: Mongabay.

 

PS: Ao contrário do que afirmamos anteriormente, o Parque Nacional Yaguas não é do tamanho da Costa Rica.

 

Leia Também

O que é um Parque Nacional

Sobre a origem do termo “unidade de conservação”

Brasil e Peru: Comparando legislações sobre áreas protegidas