Salada Verde

Milhões de abelhas morrem em zona rural de São Paulo

Em menos de uma semana, cerca de 10 milhões de abelhas morreram em Porto Ferreira. 136 colmeias foram extintas por uso de agrotóxicos

Sabrina Rodrigues ·
9 de janeiro de 2017 · 4 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
Cerca de 10 milhões de abelhas morreram em menos de uma semana em Porto Ferreira, São Paulo. Foto: Roberto Vinícius/Flickr.
Cerca de 10 milhões de abelhas morreram em menos de uma semana em Porto Ferreira, São Paulo. Foto: Roberto Vinícius/Flickr.

Um acontecimento preocupante ocorreu em um apiário na zona rural de Porto Ferreira, em São Paulo. Cerca de 10 milhões de abelhas morreram em menos de uma semana. O motivo é atribuído ao uso de agrotóxicos de cana-de-açúcar, despejados por um avião, que chegou a ser filmado pelo apicultor Wanderley Fardin. Um trabalho de quatro décadas se foi junto com as 136 colmeias, não resistindo nem mesmo as abelhas rainhas. O ocorrido provocou um prejuízo financeiro de R$ 200 mil. Cerca de mil quilos de mel eram produzidos por ano, cada colmeia chegava a render 50 quilos de mel por tirada. As mortes das abelhas têm impacto direto no meio ambiente, pois elas são fundamentais para a polinização das plantas. A diretoria da usina Ferrari afirmou que utiliza um avião para pulverizar lavouras com agrotóxicos, mas não em áreas onde ficam as colmeias. O fato passará por uma investigação e o laudo deverá ficar pronto em até 70 dias.

Fonte: G1

  • Sabrina Rodrigues

    Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Notícias
6 de maio de 2021

Responsável por relatório que expõe ineficiência no Ibama, servidor teria sido ameaçado

Rumores indicam que o servidor do Ibama teria sido ameaçado após escrever nota técnica expondo ineficiência do atual sistema de multas do órgão

Notícias
6 de maio de 2021

Organizações pressionam contra decisão de reduzir UCs em Rondônia

Projeto de lei que remove mais de 200 mil hectares de duas unidades de conservação em Rondônia está na mesa do governador para sanção

Notícias
5 de maio de 2021

Salles mente sobre orçamento e Fundo Amazônia em audiência na Câmara

Ministro espalhou desinformação sobre reserva legal e voltou a associar desmatamento à pobreza

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. AvatarPaulo diz:

    $alle$$$, mentindo até morrer. E os Biomas ministros, fod……………