Salada Verde

Girafas estão na lista de animais ameaçados de extinção

Nos últimos 30 anos a população de girafas sofreu uma redução de 40%. Entre os motivos para o declínio estão a caça ilegal e a diminuição dos habitats naturais

Sabrina Rodrigues ·
8 de dezembro de 2016 · 5 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente
A população mundial de girafas sofreu uma redução de 40% nos últimos 30 anos. Foto: Martine/Flickr
A população mundial de girafas sofreu uma redução de 40% nos últimos 30 anos. Foto: Martine/Flickr

Nesta quinta-feira (8) a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) divulgou, na 13ª Conferência das Partes da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB COP 13), em Cancún, no México, a mais recente atualização da Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas. A informação é que a girafa passou para a categoria, que antes era de “pouco preocupante” para “vulnerável”. Isso porque a população mundial de girafas sofreu uma redução de 40% nos últimos 30 anos. Em 1985, o número era de 155 mil girafas e em 2015 passou a ser um pouco mais de 97 mil. As razões para a redução da população desses animais são a caça ilegal, a diminuição dos seus habitats naturais, a expansão da agricultura e da mineração e o aumento do conflito entre humanos e animais selvagens.

Fonte original: EBC

  • Sabrina Rodrigues

    Repórter especializada na cobertura diária de política ambiental. Escreveu para o site ((o)) eco de 2015 a 2020.

Leia também

Salada Verde
26 de julho de 2021

“A odisséia do budião”: filme destaca a relevância da preservação da espécie para o equilíbrio ecológico dos mares

Mais conhecido como ‘peixe-papagaio’, o budião fornece um importante serviço para o controle dos recifes, mas está em risco de extinção desde 2014

Reportagens
26 de julho de 2021

Listo, logo existo: CBRO divulga nova Lista de Espécies de Aves do Brasil

País possui 1.971 espécies de aves registradas, sendo 293 espécies endêmicas, o que coloca o Brasil em terceiro colocado entre os países com maior taxa de endemismo de aves no mundo

Análises
26 de julho de 2021

Escoteiros e Rede Brasileira de Trilhas se unem em parceria pela conservação natureza

A Região Escoteira do Rio de Janeiro mobilizará seus escoteiros em prol das trilhas no estado, com ações de manejo, sinalização, replantio e educação ambiental

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta