Salada Verde

Deputados pedem urgência na apreciação de projeto de lei sobre Pantanal

Para os congressistas, se a proposta não for aprovada com urgência, o resultado pode ser devastador para o bioma. PL tratar da conservação e o uso sustentável do bioma

Rafaela Moreira ·
8 de setembro de 2020
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Nesta terça-feira (09), parlamentares solicitaram a tramitação em urgência para um projeto de lei para tratar da conservação e o uso sustentável do bioma Pantanal. A proposta foi apresentada por alguns deputados e líderes de partidos, como o Alessando Molon (PSB-RJ), Enio Verry (PR-PR), Wolney Queiroz (PE-PDT) e Arthur Lira (PP-AL).

O projeto de lei, de autoria do deputado Alessandro Molon, foi apresentado em abril de 2018 e é uma lei geral sobre o que pode e o que não pode no bioma. “Precisamos determinar regras para preservação e uso sustentável do Bioma Pantanal, que já perdeu 12% da sua área por queimadas só em 2020.  Vamos articular a aprovação desta urgência antes que seja tarde demais e as perdas no Pantanal durante o governo de Jair Bolsonaro sejam irreversíveis”, afirmou sobre o pedido.

*Agência Regra dos Terços, especial para ((o))eco).

Leia Também 

Salles e Mourão contam versões diferentes sobre corte na fiscalização ambiental

Leia também

Notícias
28 de agosto de 2020

Salles e Mourão contam versões diferentes sobre corte na fiscalização ambiental

Ministério do Ambiente anunciou que bloquearia a partir da próxima segunda-feira (31) mais de 60 milhões em verbas do Ibama e do ICMBio. Governo voltou atrás

Notícias
29 de julho de 2021

Treze peixes-bois resgatados e reabilitados são devolvidos aos rios da Amazônia

Programada para ocorrer em 2020, a soltura teve atraso por causa da pandemia da Covid-19. É o maior número de devolvidos na natureza feito pelo Projeto Mamíferos Aquáticos da Amazônia

Salada Verde
28 de julho de 2021

Governador do Mato Grosso pede a Bolsonaro que “estadualize” Chapada dos Guimarães

Durante reunião com o presidente, o governador Mauro Mendes pediu a estadualização do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães para que estado possa "fomentar o turismo"

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta

Comentários 1

  1. Fomentar o Turísmo Estadual ? ou Atirar a Chapada dos Guimarães “no Colo do AGRO NEGÓCIO”,..? !
    *Este Parque Além de Ser um PATRIMÔNIO NACIONAL,..Tem Que ser Declarado PATRIMÔNIO DA HUMANIDADE.
    (Nosso País Esta Cheio de más Gestões Estaduais, ex. BANHADO DO TAÍM/RS, LAGÔA DO PEIXE, (houve inclusive um Movimento dos Ambientalístas Contra um Possível “Entreguísmo”,..Entre Outros)