Salada Verde

Banco de dados da biodiversidade de SP

Depois de oito meses de espera, finalmente saiu do forno o livro Diretrizes para Conservação e Restauração da Biodiversidade no Estado de São Paulo. Resultado do Projeto Biota-Fapesp, que identificou áreas prioritárias para criação ou ampliação de unidades de conservação, entre outros itens, a obra reúne o trabalho de 160 pesquisadores que, durante dois anos, se debruçaram sobre a biodiversidade paulista. Prevista para ser lançada em abril, a obra lembra que São Paulo é o estado com maior número de espécies ameaçadas no Basil – 214 ou 11% do total – e define a Mata Atlântica como uma das áreas prioritárias para conservação. O livro começa a ser vendido a partir da próxima terça-feira, no Instituto de Botânica de São Paulo. O preço estimado é de 65 reais.

Salada Verde ·
27 de novembro de 2008 · 13 anos atrás
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Leia também

Notícias
24 de setembro de 2021

Ameaçado pelo avanço da agricultura, Pampa é o bioma que mais perde vegetação nativa

Levantamento do Mapbiomas mostra que em 36 anos o segundo menor bioma do país perdeu 21,04% de sua cobertura vegetal. Maior parte da perda foi para a produção de soja

Notícias
24 de setembro de 2021

Servidores da Bahia entram com ação contra “Secretária-Diretora” do Meio Ambiente no estado

Associação de servidores ambientais denuncia inconstitucionalidade do acúmulo de cargos de chefia na área ambiental do estado exercido por Márcia Telles há mais de 4 meses

Notícias
23 de setembro de 2021

Sociedade civil repudia propostas antiambientais da Economia

Planos de Paulo Guedes e setor empresarial para o meio ambiente estão sendo analisados pelo Ibama, que tem até dia 30 de setembro para responder

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta