Reportagens

Repúdio à indicação de bombeiro

Especialistas em fogo do Instituto Chico Mendes pedem que não seja indicado mais um bombeiro para coordenar ações em unidades de conservação. Escolha ainda não foi feita.

Redação ((o))eco ·
1 de março de 2010 · 11 anos atrás

Um grupo de 23 especialistas em incêndios florestais do Instituto Chico Mendes (ICMBio) enviou em fevereiro uma carta de repúdio ao presidente da instituição, contra a indicação de mais um bombeiro para assumir a Coordenação de Prevenção e Combate a Incêndios do órgão que administra as unidades de conservação federais.

Eles explicam que havia uma grande expectativa com a indicação de um analista ambiental com experiência na área, e que ele tinha sido chamado para participar das ações de planejamento para 2010 depois que o major Alexandre Lemos pediu para deixar o cargo, um ano após de assumir a função. Mas foram surpreendidos pela preferência por um outro oficial do corpo de bombeiros e pedem que o presidente do ICMBio, Rômulo Mello, reconsidere a posição. A carta foi encaminhada também ao coordenador geral de proteção ambiental do instituto e diretor de unidades de conservação de proteção integral.

O ICMBio informou que o processo de escolha do novo coordenador de prevenção e combate a incêndios ainda está em aberto, e envolve a avaliação das indicações pelos diretores do órgão em Brasília e pelos 11 coordenadores regionais. A expectativa é de que ainda em março o novo nome seja decidido.

No início de 2009, também houve manifestação de descontentamento em relação à indicação de um profissional de fora do Instituto para coordenar as ações nas áreas federais protegidas. A questão divide opiniões.

Reveja nas reportagens:
“2009: um ano de fogo”
“Combate ao fogo em outras mãos”

Leia a carta dos especialistas em incêndios florestais na íntegra abaixo.
 


Leia também

Análises
29 de julho de 2021

Os incêndios criminosos na Amazônia devem ser contidos

O fogo passou a ser uma realidade para a Amazônia no Antropoceno e é fundamental rever as estratégias que vêm sendo adotadas para o combate aos incêndios, assim como as suas vinculações ao jogo de interesses predominante

Notícias
29 de julho de 2021

Leite repete Salles e desinforma sobre combate ao desmatamento

Em documento, novo ministro culpa Covid por cancelamento de quase metade das operações do Ibama, comemora ações que não saíram do papel e tenta desqualificar INPE

Notícias
29 de julho de 2021

Treze peixes-bois resgatados e reabilitados são devolvidos aos rios da Amazônia

Programada para ocorrer em 2020, a soltura teve atraso por causa da pandemia da Covid-19. É o maior número de devolvidos na natureza feito pelo Projeto Mamíferos Aquáticos da Amazônia

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta