Inpa recebe filhote recém-nascido de peixe-boi

Vandré Fonseca
segunda-feira, 9 fevereiro 2015 21:45

O filhote de peixe-boi foi alimentado com um leite especial, sem lactose. Ele será colocado em um tanque com uma fêmea adulta, na esperança de que ela possa adotá-lo. Crédito: Vandré Fonseca
O filhote de peixe-boi foi alimentado com um leite especial, sem lactose. Ele será colocado em um tanque com uma fêmea adulta, na esperança de que ela possa adotá-lo. Crédito: Vandré Fonseca

Manaus, AM – Um filhote de peixe-boi-da-amazônia (Trichecus inunguis), provavelmente recém-nascido, foi resgatado no sábado, na boca do igarapé Matupiri, um afluente do Rio Madeira, em Manicoré (AM), a 390 Km de Manaus. Ele estava enrolado em uma rede de pesca e foi encontrado por pescadores, pela manhã.

O peixe-boi, um macho com 12 quilos, peso médio de animais recém-nascidos da espécie, foi entregue à Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Manicoré e ao Instituto Chico Mendes. À tarde, acompanhado pelo gestor da Reserva Extrativista do Lago Capanã Grande, Davi Araújo de França, ele viajou de avião até a capital do estado, onde foi entregue aos cuidados da Associação Amigos do Peixe-Boi da Amazônia (Ampa) e do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

“Nós entramos em contato com o Inpa para pedir informações e eles deram a passagem de avião para trazê-lo até aqui”, conta o analista ambiental, destacando que o animal foi encontrado fora dos limites da reserva, mas para protegê-lo decidiu levá-lo para Manaus. De acordo com ele, há relatos de que pelo menos quatro animais tenham sido mortos na região na última semana.

Este é o primeiro peixe-boi vivo resgatado no Amazonas este ano. Em média, por ano, o Inpa recebe entre 7 e 8 animais. Geralmente são filhotes que se separaram ou tiveram as mães mortas por pescadores. O pequeno peixe-boi está bem de saúde, segundo a avaliação feita no Inpa, mas bastante estressado. Ele recebeu um leite especial, sem lactose, e foi colocado em um tanque. Ainda esta semana, os pesquisadores vão colocá-lo junto com uma fêmea mais velha, na esperança de quê ela adote o filhote.

Assista ao video

 

Leia Também
Peixes-boi: os frágeis e insuspeitos parentes do elefante
Peixe-boi precisa de estágio antes de voltar à natureza

 

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.