Notícias

Represa em parque de São Bernardo do Campo está secando

Colaboradora do WikiParques enviou fotos mostrando os baixos níveis da Represa Billings, localizada no Parque Natural Municipal Estoril Virgílio Simionato.

Paulo André Vieira ·
13 de outubro de 2014 · 7 anos atrás

O Parque Natural Municipal Estoril Virgílio Simionato, localizado no município de São Bernardo do Campo (SP), foi criado em 1953 para resolver um problema da cidade: além da Praça da Matriz não existiam outras praças, parques ou jardins na cidade. Além de se tornar um agradável destino de lazer na região, o parque é importante para a preservação da fauna e da flora da Mata Atlântica, sendo um importante refúgio da avifauna brasileira, além da prestar um papel importante na preservação do manancial da Represa Billings.

Fotos recentes enviadas ao WikiParques mostram que os níveis da represa estão cada vez mais baixos. A causa apontada é a captação de água para ajudar a suprir as demandas da cidade de São Paulo. O problema é que a vazão da Billings não tem condições de atender esta demanda, levando ao cenário retratado nas fotos abaixo (clique para ampliar).

Segundo a colaboradora do WikiParques Maira Begalli, a faixa de areia vista nas fotos estava totalmente coberta por água apenas dois mêses atrás. O jet-sky dos guarda-vidas precisam ser rebocados para chegar na água. Na foto abaixo é possível ver como era a paisagem original do parque.

A crise no Sistema Cantareira já foi abordado aqui em ((o))eco algumas vezes. Malu Nunes, Engenheira florestal e conselheira da Associação O Eco, já alertou que, sem providências, a última gota pode chegar. “Está mais do que na hora de todos os setores conscientizarem-se de que o problema de escassez da água não é somente de São Paulo – é hoje o mais grave”, aponta Malu, “Caso contrário, a nossa desatenção pode ser a gota d’água”. Já o colunista Fabio Olmos lembra que São Paulo parece não ter aprendido com as lições do passado: desde os maias, todas as civilizações que cuidaram mal de suas águas acabaram em colapso.

O programador Miguel Peixe, de ((o))eco Lab, desenvolveu um aplicativo para web que permite a visualização da evolução dos níveis não só do Sistema Cantareira, como de mais quatro mananciais. Com a ferramenta, também é possível acompanhar o volume de chuvas registrado a cada dia nos reservatórios.

Outra fonte importante de água para São Paulo, a represa de Jaguari-Jacareí também está baixa com relação a anos anteriores. Veja as imagens do programa Landsat na animação abaixo.

Veja abaixo a comparação entre os níveis de 1999 e os de 2014.

 

Leia também
Sem providências, a última gota pode chegar
Quem brinca com água acaba se queimando

 

  • Paulo André Vieira

    Produtor Editorial formado pela UFRJ, atua em ((o))eco desde 2007 escrevendo sobre geojornalismo e cuidando da edição e gestão do site.

Leia também

Análises
27 de setembro de 2021

A Amazônia no Acre pede socorro

A contribuição do governo do Estado do Acre para a boiada do desmatamento e das queimadas avançar no território acreano. Estado é o terceiro que mais desmatou em agosto

Notícias
24 de setembro de 2021

Grupo de Trabalho finaliza relatório e recomenda manter separados o Ibama e ICMBio

Relatório foi publicado nesta sexta-feira na página oficial do Ministério do Meio Ambiente. No final de julho, o MPF entrou com ação civil pública contra a fusão

Notícias
24 de setembro de 2021

Ameaçado pelo avanço da agricultura, Pampa é o bioma que mais perde vegetação nativa

Levantamento do Mapbiomas mostra que em 36 anos o segundo menor bioma do país perdeu 21,04% de sua cobertura vegetal. Maior parte da perda foi para a produção de soja

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta