Imazon: Mato Grosso lidera corte raso em abril

Imazon: Mato Grosso lidera corte raso em abril

Daniele Bragança
segunda-feira, 20 maio 2013 22:04
Ibama apreende madeira ilegal no Mato Grosso. Foto: Ascom Ibama/MT
Ibama apreende madeira ilegal no Mato Grosso. Foto: Ascom Ibama/MT

Em abril, na Amazônia, desmatou-se uma área que soma 140 quilômetros quadrados (km²) , um aumento de 84% em relação a abril de 2012 quando o desmatamento somou 76 quilômetros quadrados, segundo dados divulgados no sábado (18) pelo Boletim de Desmatamento (SAD) do Imazon, que faz o monitoramento independente do desmatamento na Amazônia Legal.

Os dados mensais mostram que o desmatamento continua subindo na Amazônia: de agosto de 2012, quando começou o calendário do desmatamento, até abril de 2013, a área desmatada totalizou 1.570 quilômetros quadrados, um aumento de 88% em relação ao período anterior (agosto de 2011 a abril de 2012) quando o desmatamento somou 836 quilômetros quadrados.

Um pouco mais da metade (55%) da área florestal da Amazônia Legal estava coberta de nuvens, o que significa que apenas 45% do território pode ser visualizado. Mesmo assim, foi melhor do que em abril de 2012, quando a cobertura de nuvens atingiu 74%.

Os estados de Roraima, Amapá e Pará tiveram, respectivamente, 90%, 77% e 75% de cobertura de nuvens. Assim, as nuvens atrapalharam a visualização de estados campeões de desmatamento, como o Pará. Espera-se que as medições em maio, depois da temporada de chuvas, mostrem um salto no desmatamento desses estados, pois a visibilidade será bem melhor..

A maioria do desmatamento detectado em abril de 2013 ocorreu no Mato Grosso (73%), em Rondônia (19%), Amazonas (6%), Pará (1%) e Roraima (1%).

Dos 10 municípios campeões em desmatamento em abril, 9 estão localizados no Mato Grosso (ver tabela à esquerda). Mesmo liderando com folga o ranking de desmate em abril, o desmatamento em Mato Grosso caiu em relação ao ano passado.De agosto de 2012 a abril de 2013, Mato Grosso desmatou 680 quilômetros quadrados de floresta, contra 1217 quilômetros quadrados desmatados no período anterior (agosto de 2011 a abril de 2012), como mostra a tabela à direita.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.