Notícias

A Terra como arte

Imagens de satélite nem sempre precisam de uma interpretação científica. Veja fotos de um e-book produzido pela NASA cujas fotos são feitas para agradar os olhos.

Paulo André Vieira ·
25 de março de 2013 · 8 anos atrás

As imagens feitas por satélites como o Terra, o EO-1, o Aqua e os Landsat 5 e 7 fornecem informações valiosas para inúmeras pesquisas científicas. Muitas vezes, porém, as imagens geradas por seus sensores proporcionam uma nova perspectiva sobre nosso planeta. São padrões, formas, cores e texturas da Terra, de seus oceanos, do gelo e de sua atmosfera. Nosso leitor Renato Prado deu a dica de um livro digital disponibilizado pela NASA que tem como único propósito celebrar a beleza de nosso planeta, sem nenhuma pretensão de serem interpretadas de maneira científica. Você pode ver abaixo algumas dessas fotos, e se quiser ver mais, pegar aqui a sua cópia do livro “Earth As Art”.


Tikehau é um dos 78 atóis de coral que compõem o arquipélago de Tuamotu, a maior cadeia de atóis no mundo, localizada na Polinésia Francesa. Neste imagem de satélite, grupos coral se parecem com estrelas nesta lagoa azul-turquesa oval, com 27 km de comprimento e 19 km de largura.


A pincelada de vermelho nesta imagem feita em 2004 pelo Landsat 5 imagem é uma notável mescla de luz e nuvem nas Montanhas Rochosas canadenses. Este vale se estende desde o estado norte-americano de Montana até o sul do território canadense de Yukon. A capacidade das núvens em refletir a luz, juntamente com a baixa elevação do sol, resultou neste efeito surpreendente.


Nesta imagem de 2003 feita pelo Landsat 7 podemos ver os redemoinhos e as graciosas espirais do rio Mississippi, cercando campos e pastos na fronteira entre os estados norte-americanos de Arkansas e Mississippi. O Mississippi é o maior sistema de rios da América do Norte e constitui a segunda maior bacia hidrográfica do mundo.


O Delta do Rio Lena, na Sibéria, se estende por mais de 100 km para dentro do Mar de Laptev no Oceano Ártico, e faz parte de uma extensa área de proteção da vida selvagem. Neste imagem feita pelo Landsat 7 em 2000, a vegetação aparece em tons de verdes, áreas arenosas em tons de vermelho e a água como roxos e azuis.


Quase tão profundo como o Grand Canyon, o Desolation Canyon tem um rico passado. Pictogramas e petróglifos das tribos Fremont e Ute são abundantes neste desfiladeiro. Nesta imagem feita pelo Landsat 7 em 2000, o Rio Verde corre para o sul através do Planalto Tavaputs antes de entrar no desfiladeiro.


A baía de Bombetoka está localizada na costa noroeste de Madagascar, perto da cidade de Mahajanga, onde o rio Betsiboka deságua no Canal de Moçambique. As últimas décadas têm testemunhado um aumento dramático na quantidade de sedimentos movidos pelo rio e depositados no estuário, afetando a agricultura, pescas e transportes em Mahajanga, um dos mais movimentados portos marítimos de Madagascar. Nesta imagem de 2000 do satélite Terra, a densa vegetação aparece em verde profundo, e a água tem uma coloração safira e é tingida de rosa onde os sedimentos são particularmente grossos.


Um vasto leque aluvial se estende através da desolada paisagem entre o Kunlun e cadeias de montanhas Altun, que formam a fronteira sul do deserto de Taklamakan na província chinesa de Xinjiang. A água que desce das montanhas aparece em azul nesta imagem de 2002 do satélite Terra. Vegetação aparece em vermelho e podem ser vista no canto superior esquerdo da imagem.


Ilha de Akpatok está localizada na baía de Ungava, ao norte do Québec, no Canadá. Composta principalmente de calcário, a ilha é um platô, plana e sem árvores. Nesta imagem feita pelo Landsat 7 em 2001 mostra a ilha completamente coberta de neve e gelo. A ilha é um importante santuário para as aves marinhas que fazem seus ninhos em seus íngremes penhascos.


  • Paulo André Vieira

    Produtor Editorial formado pela UFRJ, atua em ((o))eco desde 2007 escrevendo sobre geojornalismo e cuidando da edição e gestão do site.

Leia também

Notícias
18 de maio de 2012

Qual é a sensação de se orbitar o planeta Terra?

Professor de ciências americano usa fotos de satélite meteorológico russo para simular a sensação de se estar orbitando o planeta Terra.

Notícias
22 de abril de 2012

No Dia da Terra, os verdes vistos do espaço

Neste Dia da Terra, ((o))eco selecionou uma série de fotos de satélite que mostra os tons de verde de nossa pequena bolinha azul.

Notícias
16 de julho de 2012

O verde das cidades visto do espaço

As florestas e parques urbanos desempenham um papel importante na ecologia dos habitats humanos. Conheça alguns parques e florestas urbanas ao redor do mundo.

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta