Consórcio de Jirau acata recomendações do MPF

Salada Verde
segunda-feira, 1 novembro 2010 19:32

Nesta segunda-feira, ((o))eco recebeu através da assessoria de comunicação do consórcio Energia Sustentável do Brasil uma nota de esclarecimento sobre as denúncias feitas pelo Ministério Público com relação ao cumprimento de condicionantes socioambientais na construção da usina hidrelétrica de Jirau, no rio Madeira (RO) .

Segundo a concessionária, os problemas relacionados a realocação e indenização dos moradores do distrito de Mutum Paraná, em Porto Velho, já estão sendo tratados. Entre outros problemas, o MPF apontou a falta de serviços básicos nos novos assentamentos, como saneamento e coleta de lixo.

Leia aqui a nota completa.

Leia também:

Jirau não cumpre condicionantes

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.