Todo mundo convocado

Salada Verde
terça-feira, 30 março 2010 18:54

Em reunião nesta terça (30), a comissão especial da Câmara que debate propostas para alterações no Código Florestal aprovou dois requerimentos que prometem aquecer os debates na casa.

O primeiro deles é de autoria do relator das propostas e coordenador da nova frente parlamentar nacionalista, deputado Aldo Rebelo (PCdoB/SP). Ele pediu uma audiência pública com representantes do Bradesco, Volkswagen, Coca-cola, Colgate-Palmolive e American Express, “financiadores da ONG SOS Mata Atlântica para discutir as propostas de alteração do Código Florestal”.

O segundo requerimento é de autoria do deputado Ivan Valente (PSOL/SP). O parlamentar também encaminhou pedido de audiência pública, desta vez com as empresas Aracruz, Bunge, Klabin, Sadia, Companhia Siderúrgica Nacional, Caemi Mineração e Metalurgia e Votorantim, por “financiarem as campanhas eleitorais de integrantes da comissão do Código Florestal”.

Nos próximos dias será definida uma agenda para que todos sejam ouvidos.

Como O Eco revelou (veja aqui), parlamentares que refundaram a frente nacionalista tiveram suas campanhas apoiadas por multinacionais e empresas com precário histórico ambiental.

Durante o debate de hoje, Rebelo propôs a retirada de pauta de seu requerimento se Valente fizesse o mesmo com sua proposta. O parlamentar do PSOL não recuou.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.