Queimadas nas UCs diminuem 44% em 2008.

Monitor
terça-feira, 30 dezembro 2008 20:47

O ano está terminando e o Monitor O Eco faz aqui um balanço das queimadas nas unidades de conservação (UCs) do país. De acordo com informações levantadas no Banco de Dados sobre Queimadas do Ibama e do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), o número de focos de incêndio captados por diferentes satélites (NOAA, Terra, Aqua, GOES e Metereosat) dentro das áreas protegidas caiu 44% em relação a 2007.A situação, no entanto, merece ainda ser melhor analisada pelos especialistas do INPE e Ibama, pois diversos fatores, que podem variar da quantidade de chuvas à mobilização de recursos financeiros, determinam a saúde dos parques e reservas frente ao fogo. O que é possível afirmar agora é que houve um aumento preocupante de quantidade de incêndios em UCs no Nordeste. Destaque para a Área de Proteção Ambiental da Chapada do Araripe, a campeã de queimadas de 2008. Ali é a caatinga que está sendo queimada vergonhosamente para alimentar o pólo gesseiro com carvão vegetal. Na Amazônia, como se vê na lista abaixo, os problemas continuam os mesmos. Florestas Nacionais do Bom Futuro e Jamanxin, em Rondônia e Pará, continuam dominadas por grileiros que trabalham dia e noite para madeireiros e pecuaristas ilegais. Veja a lista das UCs mais queimadas neste ano de 2008 (Fonte: BDQueimadas; INPE/Ibama)Explore mais pontos de incêndio no mapa do Monitor e saiba mais sobre queimadas nos parques nos últimos seis meses. Em 2009, O Eco voltará a acompanhar as queimadas nas unidades de conservação.

BR-163: longe de ser sustentável

Monitor
segunda-feira, 24 novembro 2008 18:17

Unidades de conservação ao longo da rodovia Cuiabá-Santarém são recordistas de incêndios. O Eco montou um mapa interativo com imagens do desmatamento e das queimadas.

O mapa do fogo na Chapada

Monitor
terça-feira, 11 novembro 2008 23:01

 
Como O Eco tem mostrado nas últimas semanas, focos de incêndio estão destruindo um dos mais belos e mais visitados Parques Nacionais brasileiros, a Chapada Diamatina. Desde o início de outubro, cerca de 70 mil hectares já foram queimados.
Você pode ler em detalhes, em reportagem de Felipe Lobo, a tragédia sobre a Chapada. Clique aqui
Você também pode baixar o mapa interativo criado pelo Monitor O Eco (imagem ao lado) para saber através de imagens de satélite quais foram exatamente as áreas queimadas na Chapada Diamatina.
Para isso é preciso baixar o arquivo abaixo e abri-lo no Google Earth.
Clique aqui para baixar o arquivo (.KMZ – 1 MB)
Depois que você baixar o arquivo, clique em cada um dos pontos vermelhos. Eles correspondem aos focos do calor captados pelo sensor NOAA 15 durante os dias 05 e 11 de novembro. A cada clique,  as informações sobre cada ponto (local, dia e vegetação queimada) aparecerá.
Você pode ver mais informações e fotos clicando no banner de O Eco.
Por fim, experimente clicar na pasta “Imagem de focos (Modis)”, na barra lugares temporários à esquerda. Você verá uma imagem da Nasa tirada no último dia 07 de novembro que mostra a extenção do incêndio dentro do Parque Nacional da Chapada Diamantina.
Para conhecer o Monitor O Eco. Clique Aqui

Bom Futuro: mais um ano de queimadas

Monitor
terça-feira, 28 outubro 2008 10:31

Ritmo do desmatamento caiu, mas fiscais federais ainda não conseguiram verificar focos de incêndio na área protegida por conta das ameaças de invasores.

Vítimas do fogo em zona de floresta

Monitor
segunda-feira, 13 outubro 2008 1:47

Um incêndio criminoso no entorno de parque estadual no Espírito Santo queima 50 hectares de vegetação nativa e vitima tamanduás e pacas, como mostra vídeo. As imagens são chocantes.

Imagens do desmatamento em agosto

Monitor
terça-feira, 30 setembro 2008 14:25

A imagem abaixo captada, no dia 21 de agosto, pelo sensor Modis do satélite Terra, da Nasa, dá uma amostra do que ocorreu no sul do Pará no mês anterior, quando o estado liderou o aumento do desmatamento na Amazônia. Segundo anúncio feito nesta segunda (dia 29) pelo ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, a taxa de devastação na floresta dobrou no mês de agosto em comparação com o mês anterior, atingindo 752 km2. 

Na imagem acima, pode -se ver a concentração de queimadas (um dos indícios do avanço da devastação) na área de influência da BR 163, estrada que liga Cuiabá a Santarém e está sendo asfaltada pelo Governo Federal. Em seu entorno para conter a devastação foram criadas várias unidades de conservação, que como já mostrou o Monitor também estão em chamas. Aliás o exemplo da BR 163 como um indutor de desmatamento foi o que levou o Ministério do Meio Ambiente a cancelar o licenciamento de outra rodovia na Amazônia, a BR 319. Leia reportagem sobre o tema. Abaixo, também em uma imagem do Satélite Terra com arte d’OEco, pode-se enxergar o que foi que assustou o ministro Carlos Minc e o fez parar a licença para o asfaltamento. A foto foi tirada pelo sensor Modis no dia 30 de agosto. Os pontos vermelhos são as queimadas, que segundo informações recentes avançam cada vez mais de Rondônia para o sul do Amazonas (G. Faleiros)

 

Floresta Nacional de Bom Futuro (RO)

((o))eco
terça-feira, 2 setembro 2008 3:00

A Floresta Nacional de Bom Futuro (RO) é uma das unidades de conservação mais devastadas do país. Segundo boletim do Ibama deste dia 29 de agosto “foi confirmada a ocorrência de queimadas realizadas no interior da UC após vistoria realizada pela equipe da FLONA. A Unidade não possui estrutura para combate e apresenta conflitos fundiários que dificultam o acesso a FLONA. Na imagem abaixo é possíve ter idéia da extensão dos focos de incêndio. De acordo com o Paulo Volnei Garcia, chefe da floresta nacional, ações de prevenção e combate a incêndios dentro da unidade de conservação só poderão ser tomadas quando a gestão da área for retomada efetivamente, com a desocupação da unidade de 280 mil hectares. Além de estradas e gado que abastece as cidades do entorno, inclusive Porto Velho, a floresta nacional tem um núcleo urbano com escola, hotéis e serrarias operando há anos em plena clandestinidade, o que coloca a vida de agentes do governo e brigadistas em risco nas condições atuais.
 
 
 

Parque Nacional do Araguaia (TO)

Monitor
domingo, 31 agosto 2008 20:23

De acordo com a Nota PREVFOGO nº 163 de 29/08/2008, foi realizado um sobrevôo sobre á área do parque no dia 20/08 que confirmou dois incêndios na UC. Aguarda-se informações sobre a situação desses incêndios verificados. Não há brigada no PARNA, nem estrutura para a UC (Boletim Ibama).

Fogo na Floresta Nacional do Jamanxin

Monitor
domingo, 31 agosto 2008 3:00

Uma das áreas símbolo do ordenamento territorial da Amazônia, Jamanxim, na beira da BR-163 está queimando há pelo menos 2 meses. Mapa interativo mostra fogo em UCs do país.

Parque Nacional da Chapada Diamantina (BA)

Monitor
sexta-feira, 29 agosto 2008 20:56

De acordo com a Nota PREVFOGO ocorre um incêndio de grandes proporções no interior do parque, na região de Gerais do Rio Preto, desde o dia 27/08. As brigadas do parque debelaram o fogo ontem, porém houve reignição. Há suspeitas de incêndio criminoso. O combate conta com as brigadas voluntárias de Andaraí, Mucugê e Palmeiras, junto com três analistas ambientais do parque, que estão se revezando. Foram mobilizados 20 brigadistas por dia que enfrentam dificuldades de deslocamento para realizar combate. (Boletim Ibama)
Explore a Chapada Diamantina no mapa.Clique aqui.