Fotografia

O primeiro mergulho de Gavião

Gavião passou 10 anos amarrado com um cabo de aço. Quando viu tanta água não sabia se nadava ou parava para beber. Foto: Carolina Mourão

Redação ((o))eco ·
14 de fevereiro de 2012 · 10 anos atrás
Gavião já conhece ((o))eco de longa data. No final de 2005, a repórter Carolina Mourão foi até a fazenda da ONG No Extinction para dar boas-vindas a esta onça pintada, que se via finalmente livre do cabo de aço que o manteve preso por mais de 10 anos. Nesta foto está registrado o primeiro mergulho do animal, que até então só havia tomada alguns banhos de mangueira. Seis anos depois Gavião já está bem adaptado, mas a NEX ainda precisa de doações para continuar acolhendo animais como ele.

Nem um pouco selvagem (2005)
ONG familiar dá abrigo a onças pintadas (2012)

Leia também

Notícias
23 de setembro de 2021

Sociedade civil repudia propostas antiambientais da Economia

Planos de Paulo Guedes e setor empresarial para o meio ambiente estão sendo analisados pelo Ibama, que tem até dia 30 de setembro para responder

Reportagens
23 de setembro de 2021

Ilegal, desmate autorizado pelo governo da Bahia é maior que a cidade do Recife

Área compõe latifúndio considerado um dos maiores casos de grilagem do país. Titulação do território tradicional das comunidades geraizeiras do Cerrado é fundamental para conter a devastação

Reportagens
22 de setembro de 2021

Mudança climática deve alterar o funcionamento de comunidades de microrganismos marinhos, aponta estudo

Grupo de pesquisadores de várias partes do mundo concluiu que o plâncton do planeta se organiza em consórcios microbianos, em que uma espécie depende da outra para viver

Mais de ((o))eco

Deixe uma resposta