Potencial latino-americano

Ecocidades
terça-feira, 30 março 2010 17:54

Pesquisadores do projeto Global Sustainanble Bioenergy (GSB), que congrega organizações de todo o mundo no desenvolvimento de biocombustíveis, reunidos na última semana no Brasil, chegaram à conclusão de que a América Latina tem todas as condições para se tornar referência na produção de combustíveis limpos. Clima. temperatura, disponibilidade de terras e diversidade de opções de matéria prima são fatores determinantes para isso. Mas, segundo resolução do GSB para região, a “realização desse potencial requererá determinação e diligência na criação de conhecimento e em sua aplicação e regulação”.

 

A conclusão do grupo também é de que a produção de biocombustível nesta região do globo tem se revelado uma oportunidade para o desenvolvimento econômico e social do continente, além de não comprometer sua produção agrícola ou seu ecossistema – entendimento contrário de muitos ambientalistas, que acreditam que a produção de cana-de-açúcar, no caso do Brasil, pode pressionar indiretamente o desmatamento na Amazônia.

O GSB vem se encontrando desde fevereiro em diversas partes do globo. O objetivo final do grupo é criar meios de substituir 25% da energia que move o transporte no mundo por biocombustíveis, sem que isso prejudique o meio ambiente, a sociedade e a produção de alimentos. Atualmente, no Brasil, 16% do suprimento energético primário total do país vêm da cana-de-açúcar e o etanol de cana-de-açúcar substitui mais de 30% da gasolina.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.