Fazendeiro é condenado a pagar R$ 3 milhões por desmatamento na Amazônia
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

Fazendeiro é condenado a pagar R$ 3 milhões por desmatamento na Amazônia

Sabrina Rodrigues
quarta-feira, 9 outubro 2019 19:57
Desmatamento ocorreu na Fazenda Nega Madalena, em São Félix do Xingu, no Pará. Foto: Ibama.

O fazendeiro Sebastião Machado de Oliveira terá que pagar mais de R$ 3 milhões pelo desmatamento de 694 hectares na Fazenda Nega Madalena, localizada no interior da Gleba Carapanã, no município de São Félix do Xingu (PA). A decisão do juiz federal Felipe Bouzada Flores Viana saiu em julho, mas só foi divulgada na terça-feira (08).

O magistrado acatou um pedido do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) que através da Advocacia Geral da União (AGU) entrou com uma ação civil pública solicitando a reintegração definitiva da posse do imóvel, o cancelamento do registro imobiliário e a indenização.

“Julgo procedentes os pedidos para: declarar a nulidade e determinar o cancelamento definitivo da matrícula n° 0896, do Cartório de Registro de Imóveis de São Félix do Xingu/PA, bem como dos registros e averbações correspondentes e subsequentes; b) Reintegrar definitivamente a posse do imóvel objeto da inicial ao INCRA; c) Condenar Sebastião Machado de Oliveira ao pagamento de indenização para fins de recomposição dos danos ambientais causados em valor correspondente a R$ 3.018.037,65 (três milhões, dezoito mil, trinta e sete reais e sessenta e cinco centavos)”, decidiu o juiz na sentença.  

Segundo a AGU, a aquisição da propriedade se deu de forma clandestina, fraudulenta e com uso de matrícula falsa. O fato foi descoberto após a propriedade ser alvo de apreensão pela Justiça por ser usada para tráfico de drogas.

O fazendeiro poderá recorrer da decisão, tendo assim, 15 dias para fazê-lo.

Saiba Mais

Sentença

 

Leia Também

AGU cria força tarefa para atuar contra grandes desmatadores 

Das araucárias à Amazônia: os insaciáveis desmatadores sulistas

Fazendeiro é flagrado ateando fogo na Chapada dos Veadeiros

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.