CBUC 2012 aprova moção pedindo mais UCs Marinhas
Salada Verde
Sua porção fresquinha de informações sobre o meio ambiente

CBUC 2012 aprova moção pedindo mais UCs Marinhas

Daniele Bragança
sexta-feira, 28 setembro 2012 22:27
Arquipélago de Abrolhos. Foto: Wikipédia.

No último dia do VII Congresso de Unidades de Conservação (CBUC), mais de mil participantes aprovaram por unanimidade a Moção Pró-Unidades de Conservação Marinha no Brasil − que deverá ser encaminhado ao governo brasileiro − pedido ações mais eficazes de proteção do bioma marítimo, considerado vulnerável.

A moção foi apresentada pela ONG SOS Mata Atlântica  e conta com a participação de 72 especialistas brasileiros. A discussão em favor da criação e implementação de unidades de conservação costeiras e marinhas teve início na Rio+20 e culminou, nesta quinta-feira (27), com a aprovação do documento.

Proposto por 43 instituições, o documento destaca 19 casos de criação de unidades de conservação cujos processos se encontram em estágio avançado e dependem de empenho por parte do Governo Federal para se tornarem realidade. Essas novas unidades  representam um aumento dos atuais 1,57% para cerca de 4,5% da Zona Econômica Exclusiva Brasileira (território que vai de 12 a 200 milhas marítimas), o que colocaria o Brasil mais perto da meta assumida internacionalmente pelo plano “20-20” (metas de Aichio) de ter 10% do ecossistema marinho em áreas protegidas até 2020.

A organização do VII Cbuc entregará o documento ao governo brasileiro junto com o Manifesto Pró-UCs Marinhas do Brasil, lançado durante a Rio+20, sob a liderança de organizações como o Instituto Amigos da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, a Conservação Internacional, o Greenpeace e o Instituto Baleia Jubarte, que tem o mesmo objetivo da moção aprovada ontem.

Novas unidades de conservação marinha
De acordo com o texto da moção, existem 19 UC’s cujos processos de criação encontram-se em estágio avançado e dependem de empenho por parte do governo para se tornar realidade. São elas:

    • RESEX Tauá Mirim (MA)
    • REVIS Peixe Boi (CE/PI)
    • APA Litoral Leste (CE)
    • RESEX Sirinhanhéim (PE)
    • REVIS Foz do Rio São Francisco (SE)
    • RESEX Litoral Sul de Sergipe (SE)
    • REVIS Praia do Forte (BA)
    • REVIS Arembepe (BA)
    • Ampliação PARNAM dos Abrolhos (BA)
    • APA dos Abrolhos (BA/ES)
    • REVIS da Baleia Jubarte (ES)
    • RDS Foz do Rio Doce (ES)
    • PARNA/APA Arquipélago Sul Capixaba / Francês (ES)
    • PARNA/APA da Ilha de Trindade Arquipélago Martins Vaz (ES)
    • PARNAM Arquipélago dos Alcatrazes (SP)
    • REFAU Babitonga (SC)
    • RESEX Imbituba/Garopaba (SC)
    • RESEX do Cabo de Santa Marta Grande (SC)
    • PARNA do Albardão (RS)

 

 

Leia Também
Perda de coloração dos corais é evidência das mudanças climáticas
Debate no stand ((o))eco: Proteção da Biodiversidade Marinha
Entrevista Malu Nunes: VII CBUC e a ênfase em áreas marinhas

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.