O Pedal Verde e outras boas ideias para se cultivar

Daniel Santini
quarta-feira, 30 janeiro 2013 2:00
Horta comunitária na Praça das Corujás, em São Paulo. Fotos: Daniel Santini

No fim de semana passado um grupo de ciclistas saiu do Viveiro Manequinho Lopes, no Parque do Ibirapuera, com mudas e sementes para plantar. O encontro, conhecido como Pedal Verde, é aberto a participação de todos e acontece tradicionalmente no último domingo do mês. Dá para acompanhar quando serão os próximos encontros e ler mais sobre o projeto pelo site do grupo ou pela página no Facebook. A iniciativa, que acontece desde 2009, é simbólica de uma São Paulo em transformação, cansada de ser tão cinza, asfaltada e poluída.

Os ciclistas do Pedal Verde não são os únicos agindo por mudanças, defendendo mais praças, mais verde e, logo, menos permeabilização do solo; o que é bastante pertinente nestes dias em que a chuva é tanta que alguns trechos da cidade viram rios, com carros boiando no asfalto. Aos poucos, moradores começam a se organizar para, juntos, cobrarem do poder público providências ou, simplesmente, ocupar o espaço público que já existe. O Movimento Boa Praça, cujas ações se concentram na zona oeste da cidade, é um destes grupos que realizam piqueniques, feiras de trocas, teatros de fantoches para crianças e multirões de limpeza em praças públicas.

As mobilizações vão de ações pontuais a projetos permanentes, com participação constante de moradores locais. Na Praça Dolores Ibarruri, mais conhecida como Praça das Corujas, a horta comunitária já dá resultados em um espaço antes coberto apenas por grama. É comum agora ver no local vizinhos conversando animadamente ou apenas parando para olhar a evolução do plantio. Na página do grupo tem informações sobre como participar e ajudar.

Comida plantada por moradores e voluntários em espaço antes coberto por mato

Se você se interessou por este tipo de iniciativa, gosta de praças, de plantas e de ar livre, vale visitar o 10º Piquenique de Trocas de Sementes e Mudas das Estações, que acontece no próximo domingo, 3 de fevereiro, no Parque da Luz, “o mais antigo jardim público da cidade”, conforme o convite aberto no evento criado no Facebook. O evento acontece das 10h às 15h e conta com apoio dos grupos Árvores Vivas, Viveiro Arborizando e Hortelões Urbanos. É um bom dia de aproveitar para dar uma caminhada, ir de bicicleta ou metrô linha azul (Luz e Tiradentes) ou linha amarela (Luz).

Na mensagem, o aviso que trata-se de um espaço para convívio social e educação ambiental


Leia também

Campinas e Grande SP têm tarifa de ônibus mais cara do país
Venda de carros grandes dispara no Brasil
Finalmente diesel menos poluente chega ao mercado

 

 

 

 

24 comentários em “O Pedal Verde e outras boas ideias para se cultivar”

  1. Um artigo opinativo com o título “Mais bicicletas, mais acidentes”, publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo nesta semana, provocou polêmica sobre o direito e a prudência de se trafegar com bicicletas em cidades. Na esteira de informações descontextualizadas e conclusões precipitadas tomadas sem nenhum critério científico ou cuidado,

    Responder
  2. Welcome Gentlemen, my name is Nikita and here as an Indian Escort in Delhi. who gives requesting warm and awesome relationship for respectable men. They're enthusiastic to fulfill you and need you to have the best time. They'll fulfill every single one of your desires and dreams. I am so charming with hot body. I knows how to do both: awesome sex and a great deal of fun! For get more details visit our website : -http://www.nehabatra.com

    Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.