A floresta anciã

A floresta anciã

Gustavo Faleiros
terça-feira, 2 junho 2009 10:03

Há  duas semanas, eu e Andreia Fanzeres visitamos uma reserva florestal na região de Anglia Oriental, no Reino Unido. A Floresta de Foxley fica em um pequeno povoado de mesmo nome, a 200 quilômetros de Londres. O que nos atraiu até lá foi um pequeno folheto que informava ser aquela a floresta mais antiga do leste da Inglaterra. Segundo o não-governamental Fundo de Proteção da Vida Selvagem de Norfolk, que cuida do local, Foxley é uma área coberta por florestas há cerca de 6 mil anos.

Animados em conhecer uma floresta tão antiga, interrogamos um representante da ONG de Norfolk sobre a idade da floresta. Ele nos disse que esta é uma questão em debate, pois Foxley vem sendo alterada por intervenções humanas por anos e anos. O que se sabe, é que o atual desenho da floresta já aparece no Doomsday Book, o primeiro censo feito na Inglaterra, no ano de 1066!

A caminhada pela mata, independente de sua idade, foi bastante agradável, e o sentido de floresta temperada nunca se fez tão presente. As maiores árvores que vimos foram carvalhos e bétulas. A área que causa mais frisson, no entanto, é a chamada bluebell (sinos azuis), com pequenas flores azuladas na vegetação rasteira.

Foi um bom passeio, mas a caminhada é bem curta e isso foi um pouco decepcionante. Grandes florestas no Reino Unido parecem mesmo ter ficado no tempo de Robin Hood.

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.