Números da pecuária

((o))eco
quarta-feira, 30 julho 2008 18:55

O rebanho bovino brasileiro deverá atingir 183 milhões de cabeças em 2017, o que representa um crescimento de 7,8% em relação ao numero atual, que é de 169,7 milhões de cabeças de gado. No mesmo período, as exportações também terão aumento de 32%. Estas são as estatísticas do Anualpec, anuário da pecuária de corte brasileira que foi divulgado na última terça-feira pela consultoria Agra FNP. Apesar do crescimento, segundo os consultores, não há motivos para os ambientalistas se preocuparem. Eles garantem que, a partir de agora, haverá um efetivo aumento nas atividades de pecuária intensiva e o crescimento se dará em áreas já degradadas.

Pasto X lavoura

((o))eco
quarta-feira, 30 julho 2008 18:55

Ainda segundo o anuário, nos próximos anos, o setor terá de lidar com a redução de 17 milhões de hectares na área dedicada à criação de gado. O número, no entanto, não é positivo ao meio ambiente. A perda será uma decorrência da substituição de pastagens por lavouras. Programas de reflorestamento não foram nem cogitados, é claro.

Que se cuidem

((o))eco
quarta-feira, 30 julho 2008 18:54

A consultoria ainda prevê que a pecuária brasileira migre para novas áreas nas regiões Norte e Nordeste e que, entre 2008 e 2017, ela sofra com a alta de custos, com as pressões ambientais e com o protecionismo externo. Nada que tenha preocupado realmente os pecuaristas, que, segundo a Agra FNP, irão se beneficiar com o ganho de produtividade, aumento da demanda por carne e abate antecipado de animais.

Para as crianças

((o))eco
quarta-feira, 30 julho 2008 18:51

Circula na internet um jogo de computador pra lá de ecologicamente correto. Chamado “Give trees a chance”, o jogo se passa na cidade de “Marzipan”, que sofre com altos índices de poluição. Cabe ao internauta ajudar o personagem Chowder, uma espécie de gato vestido de feiticeiro, a limpar o ar da cidade plantando árvores. Para cada árvore plantada, uma nuvem de poluição desaparece. Desenvolvido pela Cartoon Network, “Give Trees a chance” é bem fácil e didático. Para jogar, clique aqui.

Sisnama

((o))eco
quarta-feira, 30 julho 2008 18:48

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) promove, em parceria com o Banco Mundial, a série “Seminários Temáticos do Sistema Nacional do Meio Ambiente”, com início em 14 de agosto, às 15 horas, via internet e videoconferência. As inscrições estão abertas até o dia 08 de agosto, pelo site. O público-alvo são gestores municipais, conselheiros de meio ambiente, representantes da sociedade civil, entre outros. Todos podem participar nas salas de videoconferência ou por internet banda larga, com transmissão ao vivo.

Brabinho

Gustavo Faleiros
quarta-feira, 30 julho 2008 17:21

O pecuarista Lourival Novaes Medrado dos Santos, “dono” da Fazenda Lourilândia, foi o primeiro investigado na já famosa Operação Boi Pirata do Ibama. O governo encontrou com ele três mil bois, dentro da Estação Ecológica da Terra do Meio (Altamira/PA). Se ele estava descontente, agora tem mais motivos. O Ministério Público Federal o denunciou hoje à Justiça Federal pela destruição de 5 mil hectares de matas nativas dentro daquela unidade de conservação. O procurador da República Alan Rogério Mansur Silva pede a condenação de Santos.

Papo furado

Gustavo Faleiros
quarta-feira, 30 julho 2008 17:20

Carlos Minc (Meio Ambiente) prometeu para amanhã (31) a licença que dá sinal verde para início das obras da Usina de Santo Antônio, no Rio Madeira (RO). Mas ele não contava com a falta da outorga de água para a obra. A Agência Nacional de Águas tem até 31 de agosto para emitir o documento, já que Aneel e empreendedores entregaram a documentação na autarquia no dia 17 de julho.

Chegou a conta do uso sustentável

Marcos Sá Corrêa
quarta-feira, 30 julho 2008 16:37

Foi mais que uma troca de funcionários a demissão do superintendente do Ibama em Rondônia. Com sorte, ela talvez anuncie o fim de uma política de populismo ambiental que fracassou.

Cantoria amazônica

((o))eco
quarta-feira, 30 julho 2008 15:27

Após 31 anos se embrenhando nas matas amazônicas, um grupo de pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) digitalizou o canto de 340 espécies de pássaros da região. A idéia inicial era simplesmente prover material de estudo para alunos e especialistas do instituto. Mas o resultado acabou ganhando novos ares, e a cantoria foi parar numa coletânea de quatro Cds, que serão vendidos para financiar a continuidade das pesquisas. O objetivo, ousado, é de catalogar as vozes das cerca de 1,2 mil espécies que voam pela floresta tropical. No site do Estado de S. Paulo pode-se ouvir o assobio de algumas aves.

Vida na fazenda

((o))eco
quarta-feira, 30 julho 2008 15:26

Vamos lá, reality shows não prestam para nada. Mesmo assim, a cada dia pipocam novos pretendentes que anseiam por escancarar suas vidas na telinha. A próxima candidata é inglesa, atriz, modelo e produtora e chama-se Elizabeth Hurley, conhecida pela atuação nos filmes de Austin Power. E o que um site de meio ambiente tem a ver com isso? É que Liz, como é chamada pela imprensa, vai mostrar seu dia-a-dia na fazenda onde cultiva e consome alimentos orgânicos. Conforme pinçou a Grist, a celebridade vai aproveitar a deixa para lançar sua marca de produtos feitos de forma sustentável. Bom, pelo menos há um tema para que os espectadores possam acompanhar, e isso talvez acrescente algo para suas vidas. Ok, ok. Ou não.