Tragédia de Natal

((o))eco
quinta-feira, 27 dezembro 2007 7:55

Um trecho da rodovia BR 163 registrou no dia 23 de dezembro um número impressionante de atropelamentos de animais. E não foram quaisquer. Ao longo de mais ou menos 15 quilômetros, perto da cidade de Rio Verde de Mato Grosso, em Mato Grosso do Sul, apodreciam no acostamento uma arara canindé, um periquito, um tamanduá-bandeira, um tatu e uma anta – animal ameaçado e raríssimo de ver em ambiente natural hoje em dia. Essa é a parte da estrada mais próxima do Pantanal, onde ainda existem fragmentos de Cerrado dos dois lados da rodovia. Pistas boas, com tráfego pesado de caminhões, convidativas a investidas a 120km/h. E nenhum redutor de velocidade.

Alô, Dnit

((o))eco
quinta-feira, 27 dezembro 2007 7:53

Em outros trechos da BR 163, em Mato Grosso do Sul, e ao longo da BR 262, que liga Campo Grande à divisa com o estado de São Paulo, outros muitos animais mortos à beira da estrada. Mais tatus, tamanduás e capivaras tiveram o mesmo triste fim.

Timidez

((o))eco
sábado, 22 dezembro 2007 16:03

Algumas das unidades de conservação que estavam represadas desde o início do ano no Palácio do Planalto passaram pelas comportas da Casa Civil. O presidente Lula assinou hoje decreto criando novas áreas protegidas que juntas somam escassos 151 mil 263 hectares.

Quem são

((o))eco
sábado, 22 dezembro 2007 16:02

As novas unidades de proteção anunciadas são a Reserva Extrativista de Cassurubá e os Refúgios de Vida Silvestre de Una e Rio dos Frades, todas na Bahia. Já a Estação Ecológica de Cuniã (AM) e a Reserva Biológica de Uma (BA) aumentaram seus limites.