O Rio debaixo d´agua

((o))eco
segunda-feira, 30 abril 2007 13:17

De Lais SonkinEngenheira florestalPrezado Eric,Li sua materia intitulada O Rio debaixo d´agua e gostei muito. Com relação as soluções apontadas pouca gente sabe mas o Rio de Janeiro tem um polder localizado na margem do Rio Sarapuí em Olavo Bilac, Duque de Caxias. É o polder Alberto de Oliveira, previsto na decada de 70 para conter as cheias do Rio sobre os bairros vizinhos.Ocorre que tanto o dique quanto o polder estão sendo invadidos por uma população desesperada por moradia, insuflada por políticos sedentos de novas obras e enganada por imobiliárias sem escrúpulos. Eu estive recentemente no polder Alberto de Oliveira e pude ver novos loteamentos em fase de implantação dentro da área do polder, o último é tao grande que aparece na foto do Google (acima), veja você mesmo.Assim penso que esta solução que é amplamente utilizada na Hollanda por exemplo, no Rio de Janeiro só pode funcionar se alguma autoridade se responsabilizar pela manutenção do mesmo.Um grande abraço

Para quê mais um Instituto Chico Mendes?

Marcos Sá Corrêa
domingo, 29 abril 2007 8:55

Enquanto o ministério do Meio Ambiente não explica o que vai fazer exatamente com o novo Instituto de Conservação da Biodiversidade, que tal evitar que ele se chame Chico Mendes?

Amazônia para leigos

((o))eco
sexta-feira, 27 abril 2007 17:51

Os resultados das pesquisas do Experimento de Grande Escala da
Biosfera-Atmosfera na Amazônia (LBA), coordenado pelo Inpa, acabaram de ser publicados no livro “Dimensões Humanas da Biosfera-Atmosfera na
Amazônia”, lançado nesta sexta-feira. Organizado pelos pesquisadores Bertha Becker (UFRJ), Diógenes Alves (Inpe) e Wanderley Costa (USP), este é o
primeiro de oito volumes da coleção “Ciências Ambientais”, da Edusp. A idéia é disponibilizar estudos científicos avançados a todos os interessados sobre Amazônia em uma linguagem acessível. Mudanças no uso da terra, modalidades de uso do território e as inovações produtivas são o foco da coleção.

Impactos de Angra 3

((o))eco
sexta-feira, 27 abril 2007 17:34

Nesta semana o Ibama divulgou os endereços de onde a população pode obter o relatório de impacto ambiental referente à construção da usina de Angra 3. O documento tem cópias em Brasília, Rio de Janeiro, Paraty e Angra dos Reis.

Brigas conjugais

((o))eco
sexta-feira, 27 abril 2007 16:31

O relacionamento entre Marina Silva e a representação dos servidores do Ibama não está nada bom. Após uma reunião entre a direção da associação nacional dos
funcionários do órgão (Asibama) e a ministra, os funcionários decidiram
convocar uma mobilização nacional para barrar aprovação no Congresso
Nacional da Medida Provisória que divide do Ibama. “Decidiram o nosso futuro sem nos ouvir, e agora pedem apoio”, criticou Jonas Corrêa, presidente da Asibama.

Em alerta

((o))eco
sexta-feira, 27 abril 2007 16:28

Após a reunião com Marina, que o ministério classificou como produtiva, a Asibama divulgou nota afirmando que está em estado de alerta “contra a quebra da unicidade da gestão ambiental” no país. Uma assembléia geral dos servidores realizada nesta sexta-feira decidiu rejeitar a nova estrutura do Ibama. Uma mobilização apenas com funcionários lotados em Brasília foi convocada para o dia três de maio. Uma manifestação nacional está marcada para o dia 9.

Bom exemplo

((o))eco
sexta-feira, 27 abril 2007 16:24

Quais as possibilidades e limites do ecoturismo em áreas de conservação? Esta e outras questões são colocadas no livro recém lançado “Ecoturismo na Amazônia. Alternativa de Renda para comunidades tradicionais”. As autoras, Carolina Doria e Claudia Ramos, se embasam no caso de comunidades estabelecidas em unidades de conservação que têm no turismo uma alternativa de renda. O livro está à venda na Loja do Porto, em Porto Velho (RO) e custa 20 reais. Mais informações no site: www.ecoturismonaamazonia.blogspot.com.

Time que ganha

((o))eco
sexta-feira, 27 abril 2007 15:51

Notícia da Folha de São Paulo diz que Lula vetou o nome do diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Lacerda, para a presidência do Ibama. Lacerda foi convidado por Marina Silva e aceitou a tarefa. O jornal diz que o presidente não quer trocas na PF num momento em que as suas mega-operações ajudam a dar uma melhorada na imagem do governo.