Arquivo das categorias: Notícias

MMA demite pai de plano de recuperação florestal uma semana após seu lançamento

Por Claudio Angelo e Luciana Vicária, do Observatório do Clima
O ecólogo Carlos Alberto de Mattos Scaramuzza.

Ecólogo Carlos Alberto Scaramuzza, que concebeu projeto anunciado pelo ministro Sarney Filho na COP23, teve conflitos com secretário-executivo da pasta

MPF pede R$ 1,5 bi de indenização por desmatamento ilegal na Amazônia

Por Vandré Fonseca
Desmatamento ilegal entrou na mira do MPF. Foto: Felipe Werneck - Ascom/Ibama

Ações estão sendo movidas com base em laudos produzidos a partir de imagens do Prodes. No total, quase 1.200 áreas desmatadas ilegalmente foram identificadas

Observadores de aves contam quais espécies renderam encontros inesquecíveis

Por Daniele Bragança
26112015-tietta-aves

Especialistas e amadores relembram situações de avistamento que ficaram na memória e celebram diversidade da avifauna do país e América do Sul

Ministro anuncia plano de recuperação de florestas na COP 23

Por Observatório do Clima
Sarney (o segundo da esq. para a dir. ) com líderes da África do Sul, Índia e China. Eles apresentaram declaração em defesa da implementação dos termos estabelecidos em Paris. Foto: MMA.

Em discurso de despedida da conferência do clima, Sarney Filho disse que vai intensificar o uso de biocombustíveis e ampliar os leilões de fontes renováveis para geração elétrica

Desmatamento dentro das UCs federais amazônicas cai 28%

Por Duda Menegassi
Desmatamento na Resex Chico Mendes, a terceira mais desmatada na Amazônia. Foto: Duda Menegassi.

Dados do Prodes divulgados hoje (14) apontam também que apenas quatro unidades são responsáveis por mais de metade do desmatamento total

Emissões em 2017 batem recorde e soterram esperança de “pico”

Por Observatório do Clima
China precisa desativar de duas a três usinas de carvão por semana para manter-se dentro da meta estabelecida no Acordo de Paris. Mas as emissões devem subir este ano. Foto: Shubert Ciencia.

Estímulo econômico e incremento do setor de petróleo na China, além de mau desempenho da Europa, estão entre causas, sugerem dados revelados em Bonn