Download PDF

Parque Nacional Serra do Gandarela (acima). Proposta do novo Parque está sendo discutido no Ministério do Meio Ambiente. Foto: Danilo Siqueira / Divulgação Movimento Águas do Gandarela

Parque Nacional Serra do Gandarela (acima). Proposta do novo Parque está sendo discutido no Ministério do Meio Ambiente. Foto: Danilo Siqueira / Divulgação Movimento Águas do Gandarela

 

NOME UF CATEGORIA ÁREA PROVÁVEL CRIAÇÃO/ AMPLIAÇÃO BIOMA OBJETIVO
MÉDIO JURUÁ AM RESEX 35.924 AMPLIAÇÃO AMAZÔNIA Incorporar áreas de uso e moradia de extrativista que ficaram forma do perímetro quando da criação da RESEX.
TAUÁ-MIRIM MA RESEX 15.329 CRIAÇÃO MARINHO/
COSTEIRO
Proteger os meios de vida, a cultura e garantir a utilização e a conservação dos recursos naturais renováveis tradicionalmente utilizados pela pontuação extrativista da comunidade do Taim, residente na área de abrangência da Reservas e demais populações habitantes de áreas contíguas.
NASCENTES
GERAIZEIRAS
MG RDS 38.177 CRIAÇÃO CERRADO Proteger mais de 200 nascentes de córregos que abastecem a região; proteger as áreas de extrativismo utilizadas pelas comunidades beneficiárias; garantir acesso ao território tradicional pela população geraizeira local; incentivar a realização de estudos voltados para a conservação e uso sustentável do Cerrado e promover a conservação da biodiversidade.
ILHAS DE SIRINHAÉM PE RESEX 2.649 CRIAÇÃO MARINHO/
COSTEIRO
Proteger os meios de vida e garantir a utilização e a conservação dos recursos naturais renováveis tradicionalmente utilizados pela população extrativista (pescadores artesanais) das comunidades de Ipojuca e Sirinhaém e demais comunidades incidentes na área de sua abrangência.
LAGO DO CUNIÃ RO RESEX 55.850 AMPLIAÇÃO AMAZÔNIA Proteger os meios de vida, a cultura e garantir a utilização e a conservação dos recursos naturais renováveis manejados pelas comunidades tradicionais que utilizam essa unidade de conservação.
CABO DE SANTA
MARTA GRANDE
SC RESEX 60.036 CRIAÇÃO MARINHO/
COSTEIRO
Proteger os meios de vida, a cultura e garantir a utilização e a conservação dos recursos naturais renováveis tradicionalmente utilizados pela população extrativista da comunidade do Cabo de Santa Marta e a conservação da baleia franca austral Eubalaena australis.
LITORAL SUL
DE SERGIPE
SE RESEX 19.000 CRIAÇÃO MARINHO/
COSTEIRO
Proteger áreas naturais de uso das comunidades tradicionais extrativistas (catadoras de mangaba, pescadores, entre outros), garantindo o acesso aos recursos e uso sustentável do território, bem como áreas consideradas relevantes para a conservação e sustentabilidade dos recursos naturais utilizados, abrangendo estuários, manguezais, áreas de restinga e nascentes.
IBIRAQUERA/
ENCANTADA
SC RESEX 19.195 CRIAÇÃO MARINHO/
COSTEIRO
Proteger os meios de vida, a cultura e garantir a utilização e a conservação dos recursos naturais renováveis tradicionalmente utilizados pela pontuação extrativista de pesca artesanal de comunidades dos municípios de Imbituba e Garopaba, residente na área de abrangência da Reserva.
BAIXO RIO BRANCO
JUAPERI
AM/RR RESEX 581.000 CRIAÇÃO   Proteger a bacia hidrográfica do rio Jauaperi e Baixo rio Branco, garantir o território e o uso sustentável dos recursos naturais pelas populações ribeirinhas e extrativistas locais, bem como promover o ordenamento da atividade pesqueira na região.
GUARICANA PR PARNA 40.739 CRIAÇÃO MATA
ATLÂNTICA
O parque nacional se destina à preservação de importante porção do bioma mata atlântica com a formação vegetal Floresta Ombrófila Densa e Mista e proteção de mananciais hídricos.
ALCATRAZES SP PARNA 15.819 CRIAÇÃO MARINHO Preservar os ecossistemas naturais de grande relevância ecológica e beleza cênica e possibilitar a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação e interpretação ambiental, de recreação em contato com a natureza e de turismo ecológico.
SERRA DO
GANDARELA
MG PARNA 27.627 CRIAÇÃO   Garantir a conservação do relevante patrimônio ambiental, espeleológico, hidrológico e biológico associado ao Geossistema Canga-Itabirito, que tem na área do PNSG os mais significativos remanescentes desta formação no Quadrilátero Ferrífero.
BOQUEIRÃO DA
ONÇA
BA PARNA 319.850 CRIAÇÃO CAATINGA Proteção de importantes remanescentes de Caatinga de excepcional qualidade ambiental, onde ocorrem grandes predadores de topo de cadeia alimentar, como as onças-pardas e onças-pintadas e muitas espécies da flora e fauna endêmicas e ameaçadas de extinção, assim como proteger um significativo conjunto de cavernas, dentre elas as duas maiores do Brasil, a Toca da Boa Vista e a Toca da Barriguda, além de promover a proteção de nascentes e áreas de recarga hídrica.
CHAPADA DOS
VEADEIROS
GO PARNA 80.000 AMPLIAÇÃO CERRADO Proteger áreas de cerrado, notadamente áreas de altitude elevada, campos limpos e campos úmidos.
Atender demanda do Centro do Patrimônio Mundial da UNESCO e estabelecer um status de proteção legal compatível com o existente na época da inscrição do sítio.
ALTO MAUÉS AM ESEC 663.517 CRIAÇÃO AMAZÔNIA Proteger as diversas fisionomias vegetais existentes na região, conservar porções das áreas de ocorrência e endemismo de diferentes espécies de primatas, propiciar a existência de populações viáveis de grandes felinos, abrigar espécies de aves residentes e migrantes e complementar o corredor ecológico entre as Florestas Nacionais Amanã e Pau Rosa e o Parque Nacional da Amazônia.
MARINHO DOS
ABROLHOS
BA PARNA 890.000 AMPLIAÇÃO MARINHO Aumentar representatividade de amostras de ecossistema marinho excepcionalmente rico em recifes, algas e ictiofauna e proteger espécies ameaçadas de extinção, principalmente as tartarugas marinhas, baleias-jubarte, coral cérebro, conciliando a proteção integral da flora, da fauna e das belezas naturais com a utilização para objetivos educacionais, recreativos e científicos.
PANTANAL
MATOGROSSENSE
MT PARNA 60.000 AMPLIAÇÃO PANTANAL Incorporar a região da serra do amolar e adjacências, ampliando a representatividade da unidade de conservação.
TOTAL DE ÁREA PROPOSTA PARA AMPLIAÇÃO 2.924.712