Download PDF

O dia 27 de maio é conhecido como o Dia da Mata Atlântica, mas na verdade há muito pouco o que se comemorar. Na realidade, 90% a menos do que se poderia comemorar no final do século XIX, quando este bioma se espalhava por mais de 1.300.000 km² e abrangia toda a costa leste, sudeste e sul do Brasil, leste do Paraguai e a província de Misiones, na Argentina. Hoje restam aproximadamente 100.000 km², menos de 10% da cobertura vegetal original.

Segundo a Fundação SOS Mata Atlântica, o Brasil tem mais de 600 RPPNs na Mata Atlântica, e das 633 espécies de animais ameaçadas de extinção no Brasil, 383 ocorrem neste bioma. Para o Cadastro Nacional de UCs do Ministério no Meio Ambiente, há uma área protegida na Mata Atlântica para cada dia do ano (desde que não seja um ano bissexto), entre parques, reservas biológicas, áreas de proteção ambiental e muitas outras categorias. No WikiParques já são 68 áreas protegidas cadastradas, como o Parque Nacional do Monte Pascoal, a Reserva Biológica Poço das Antas e a Área de Proteção Ambiental de Tamoios.

Uma área protegida em especial pode ser destacada no WikiParques neste Dia da Mata Atlântica. A galeria de fotos da Reserva Biológica Estadual do Sassafrás, localizada em Santa Catarina, está recheada de lindas fotos que mostram um pouquinho da biodiversidade deste bioma tão importante.

O nome desta UC faz referência a uma espécie de árvore conhecida como canela-sassafrás ou simplesmente sassafrás (Ocotea odorifera (Vellozo) Rohwer; Lauraceae). Presente em elevada abundância na região, a canela-sassafrás foi muito explorada no início do século XX por causa de sua madeira, tanto para usos na construção civil quanto para a  produção do óleo essencial Safrol, usado na farmacologia, na cosmetologia e na medicina. Hoje a canela-sassafrás está na Lista Oficial de Espécies da Flora Brasileira Ameaçada de Extinção.

A Reserva Biológica Estadual do Sassafrás abriga espécies de mamíferos atualmente raras em Santa Catarina, como a anta (Tapirus terrestris) e o queixada (Tayassu pecari). Na região da reserva já foram catalogadas também 335 espécies de aves, o que representa 18% de toda a avifauna brasileira.

Abaixo você pode ver algumas das fotos disponíveis na galeria. Enviadas pelo usuário Luís Adriano Funez, você pode ver um Tamanduá-mirim encontrado na margem da estrada e uma simpática Perereca-flautinha, além de um par de exemplares que mostram como a fauna de insetos desta reserva biológica é impressionante. Você pode clicar nas imagens para ampliar, e ver várias outras fotos na galeria da Reserva Biológica Estadual do Sassafrás clicando aqui.

Vale sempre lembrar, que enviar a sua foto para o WikiParques é bem fácil. Se tiver alguma dúvida, preparamos um tutorial para ajudá-lo. Vale lembrar que as galerias do WikiParques são destinadas para fotos das áreas protegidas. Ou seja, pedimos que não sejam enviadas ilustrações, gráficos, desenhos ou qualquer outro tipo de arquivo que não seja uma foto de uma área protegida. E não se esqueça de identificar em qual área protegida você fez a sua foto, e dar o devido crédito ao fotógrafo caso a foto não seja de sua autoria.

Aproveite as galerias do WikiParques, e se quiser compartilhar as suas fotos elas serão muito bem-vindas. Clique aqui para enviar uma foto para o WikiParques.

 

Leia também
A biodiversidade do Parque Nacional da Serra do Itajaí
As belas paisagens do Parque Estadual da Serra do Mar
As áreas protegidas do WikiParques em fotos 360°